06 Fev. 2023
 
3 p’rás 5
15:00-17:00
×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

O Comando Distrital de Portalegre da Polícia de Segurança Pública informa que, na manhã de hoje, polícias afetos às valências de Investigação Criminal e Ordem Pública procederam à detenção de dois homens, com 19 e 42 anos de idade, residentes na cidade de Portalegre, por suspeita da prática de vários crimes.

Os suspeitos detidos serão presentes, ainda hoje, a primeiro interrogatório judicial para aplicação de medidas de coação.

Paralelamente à detenção de um dos suspeitos, a PSP realizou uma busca no seu domicílio, aprendendo 2 (duas) gramas de Liamba.

Os factos que conduziram a estas detenções são distintos entre si e foram praticados na cidade de Portalegre durante o mês passado, sendo a sua investigação conduzida pela Esquadra de Investigação Criminal de Portalegre.

 

    Numa informação dada em exclusivo à Radio Campanário, o Hospital do Espirito Santo de  Évora (HESE), revela a ultima atualização dos dados da Covid-19. Esta unidade hospitalar regista neste momento cerca de 19 doentes internados e a Unidade de Cuidados Intensivos tem 6 novos casos.

    A Associação de Futebol de Portalegre abriu inscrições para Cursos de Treinadores de Futebol e de Futsal - UEFA “B”/Grau II e UEFA “C”/Grau I.

    Os primeiros cursos a abrir vão ser os de treinador de futebol, sendo que o Curso de Treinador UEFA C - Grau I terá um custo máximo de 649 euros e o Curso de Treinador UEFA B - Grau II (comparticipado pela Federação Portuguesa de Futebol) terá um custo máximo de 299 euros. As inscrições estão abertas até 15 de Janeiro de 2021.

    Os regulamentos e os formulários de inscrição estão disponíveis no site da AF Portalegre e os cursos deverão abrir no primeiro trimestre de 2021.

“Absolutamente lamentável” é como Carlos Zorrinho classifica o caso do homicídio ocorrido no aeroporto de Lisboa. “É preciso evitar que isso volte a ocorrer” afirma o Eurodeputado. Ainda sobre o cidadão ucraniano que foi assassinado pelos agentes do SEF, Carlos Zorrinho defende que “é preciso aproveitar esta circunstância para repensar, reorganizar e restruturar quer o SEF, quer a interligação com PSP e com a Polícia Judiciária.”

Carlos Zorrinho diz ainda que “a demissão do Ministro (da Administração Interna) não resolvia nada” e que “vamos começar agora uma presidência europeia no próximo ano e precisamos de ter um governo com gente preparada e unida”. A partir de Bruxelas, o Eurodeputado Socialista comenta “eu não acredito que o SEF seja constituído por mulheres e homens maus”.

Quanto à tão falada restruturação que se pretende fazer nas forças de segurança, Carlos Zorrinho refere que essa questão não é de agora, tendo o assunto cerca de 20 anos. “É muito complexo. Eu acho que é preciso ter um debate muito profundo (…) a nível nacional” afirma.

A questão dos enfermeiros contestarem vagas insuficientes e a Bastonária desses profissionais de saúde criticar a proibição de rescisões, no seu espaço de comentário na Rádio Campanário, Carlos Zorrinho defende que são precisos mais enfermeiros no SNS, principalmente os que têm especialização. “Contratar mais gente e dar-lhes mais condições para trabalhar, reduzindo assim a precariedade”.

A “bazuca” europeia chega a Portugal na sua primeira tranche e não se deve aplicar apenas nos problemas que a pandemia colocou. “Depois de reconstruída a casa europeia, deve fazer-se nova construção mais robusta, mais competitiva” defende Carlos Zorrinho, mencionando ainda que o “brexit” tem de ser feito de forma ordenada.

Ainda relativamente à TAP, o Eurodeputado Socialista diz que o problema não se prende apenas e só com a transportadora aérea portuguesa. Tem sobretudo a ver mais uma vez com a pandemia, na medida em que se verifica por todas as companhias europeias uma restruturação visto que o facto de não poderem voar ou fazê-lo de forma condicionada, fica muito caro e “é até perigoso em termos de garantias de manutenção”. Relembra ainda que  Bruxelas não dá ajuda a problemas que já vinham “de trás da pandemia”. E a TAP (que até atribui grandes prémios aos mais altos quadros) não pode receber dinheiros públicos, sendo esta privada.

    O Primeiro Ministro quer afastar a possibilidade de as forças de segurança se fundirem. António Costa afirma que esse não é o caminho, e que seguramente as policias não devem ser alvo de fusão.

    “Todos conhecem o que estava previsto e o programa do Governo” . Quando questionado acerca da reforma do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, o Primeiro Ministro refere que existe uma orientação que já está definida e põe de parte o cenário de fusão SEF/PSP

No próximo dia 19, o CF Estremoz/Estremozcarnes realiza a primeira prova de natação depois de paragem forçada devido à pandemia.

Passados 7 meses de inatividade no desporto, a equipa de competição do CF Estremoz/Estremozcarnes volta à modalidade de natação. A primeira competição da época terá lugar em Sines e é o Torneio de Preparação de Infantis, Juvenis, Juniores e Seniores promovido pela Associação de Natação do Alentejo.

Ainda no ano em que celebra o seu 30º aniversário, CF Estremoz/Estremozcarnes deposita grandes espectativas na prova na medida em que a Escola de Natação recebeu novamente a Certificação de Qualidade pela Federação Portuguesa de Natação.

Os atletas retomaram a prática normal de aulas e treinos já a partir de janeiro.

    Já em contagem decrescente para o réveillon de 2021, muitos são os portugueses que já procuram destino para celebrar a entrada no novo ano. Neste sentido e para fazer face às quebras nos setores de alojamento e restauração, o eco resort da Zambujeira do Mar Zmar oferece uma promoção bastante apelativa para contrariar a curva descendente na faturação.

    Assim, quem  lá reservar as três noites que correspondem à passagem do ano, pode ficar até oito noites entre 28 de dezembro e 5 de janeiro. Para aproveitar esta campanha só é preciso que no site deste hotel seja feita a reserva (para além das noites de 31 de dezembro, 1 e 2 de janeiro, que são pagas) de todas as noites pretendidas.

    Os hóspedes podem portanto ficar até oito noites, pagando apenas três. É uma excelente medida de incentivo a inverter as contas da crise e ao mesmo tempo promover o turismo local.

    É nesta terça-feira que termina o prazo para pagar o imposto sobre o rendimento de pessoas coletivas. A pandemia de covid-19 também afetou este sector e abriu-se uma exceção para as empresas suspenderem o pagamento os dois primeiros pagamentos, sem qualquer penalização. Alojamento, restauração e outros sectores do mesmo ramo, foram os mais afetados pela crise pandémica, com cortes na faturação que chegam quase aos 50%. Deste modo, todas estas empresas ficam abrangidas por esta suspensão.

    Pode ler-se no Portal das Finanças que "caso o sujeito passivo verifique, com base na informação de que dispõe, que, em consequência da redução total ou parcial do primeiro e segundo pagamentos por conta, pode vir a deixar de ser paga uma importância superior" (…) a possibilidade de regularização do montante em falta até ao último dia do prazo para o terceiro pagamento, sem quaisquer ónus ou encargos".

    Recorde-se que o programa “Apoiar” que visa atenuar os efeitos da pandemia nas contas empresariais e faturação é considerado um rendimento.

    As empresas que apresentem quebras na faturação superiores a 20%, mas que sejam inferiores a 40% puderam pagar metade do primeiro e do segundo pagamentos por conta do IRC.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Fevereiro 2023 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28