“A arbitragem também é feminina e a AF Portalegre tem mais do que uma mulher a apitar jogos nas nossas competições oficiais. Mas queremos mais”, refere a Associação de Futebol de Portalegre numa nota onde promove o curso de arbitragem para mulheres.

As inscrições continuam abertas, tanto para homem como para mulher. Toda a documentação e os formulários de inscrição podem ser consultados e descarregados em www.afportalegre.com e a inscrição pode ser efetuada na Sede da Associação de Futebol de Portalegre, ou para o email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

O curso é gratuito, tem a duração de um mês e o arranque da formação está previsto para o dia 2 de Novembro.

Por ocasião das cerimónias comemorativas do 11º aniversário do Comando Territorial da GNR de Portalegre, decorrerão na vila de Arronches algumas atividades, nomeadamente:

24 de outubro – Plastron no Jardim do Fosso em Arronches, com demonstração de meios especialmente direcionado às crianças e restante população da vila;

25 de outubro – Concerto da Banda Sinfónica da Guarda Nacional Republicana, no Auditório do Centro Cultural;

29 de outubro – Cerimónia militar na Rua D. Afonso III.

O Comandante do Comando Territorial de Portalegre convida toda a população a assistir às várias atividades e, em particular, ao concerto que terá entrada gratuita, mediante reserva prévia de bilhetes, nos serviços da Câmara Municipal de Arronches a partir de 22 de outubro, conforme informação constante no cartaz alusivo.

A Câmara Municipal de Vila Viçosa, na reunião do passado dia 16 de Outubro, analisou e emitiu o seu parecer de discordância relativamente à proposta apresentada pela Comissão Nacional de Avaliação dos Prédios Urbanos (CNAPU) através do seu Perito Local, relativamente à revisão trienal de zonamento, com a atualização do coeficiente majorativo dos elementos de qualidade e conforto das moradias unifamiliares, aumentando este coeficiente de 0,03 para 0,10.

O aumento deste coeficiente, mais do triplo do agora em uso, foi apresentado sem haver qualquer nota que o justifique, o que motivou a rejeição do Executivo Municipal.

Nos termos do Código do Imposto Municipal sobre Imóveis (CIMI) este aumento será aplicado aos imóveis com um coeficiente de localização maior ou igual a 0,90, correspondendo aos prédios que sofreram novas avaliações, situados na área geográfica da freguesia de Nossa Senhora da Conceição e S. Bartolomeu.

De referir que, nos termos do CIMI, o imposto pode variar entre 0,3% e 0,45%, estando o IMI em Vila Viçosa fixado pela Câmara Municipal e pela Assembleia Municipal em 0,35%, sobre o qual há uma redução atendendo ao número de dependentes do agregado familiar, nomeadamente 1 dependente – 20€; 2 dependentes – 40€; 3 ou mais dependentes – 70€.

A evolução tem sido lenta, mas firme. De 2009 a 2017, o PIB per capita no Alentejo cresceu 20%, salto que compara com a subida de 13,8% registada na média nacional ou de 4,6% na Área Metropolitana de Lisboa. E apesar de continuar atrás da média do país, o produto gerado pela região neste período passou de equivaler a 89% da média para 95%, uma evolução apenas superada pelo Algarve, cujo PIB per capita passou de 101% para 108% do valor do país.

Os dados mostram-nos que existe futuro para a região, muito trabalho tem sido realizado, com bons resultados, mas ainda existe um longo caminho a percorrer na reabilitação.

 

Emprego, Qualificação e Sustentabilidade

 

Um dos grandes desafios do Alentejo é certamente a falta de oferta de emprego qualificado, existem de facto ofertas de emprego, mas na sua grande maioria, são ofertas para emprego pouco qualificado. A falta de oportunidades a que assistimos nas últimas décadas originou a deslocação de massa critica para o litoral, o que dificulta nos dias de hoje a sua fixação na região.

No Alentejo, a mudança já está em curso, como mostram os números do PIB per capita, e tal deve-se, em parte, ao Alqueva, que veio ajudar os empresários e agricultores a lidar com um dos fatores mais limitadores da região: a falta de água. Torna-se necessário tornar a agricultura rentável na região e o Alqueva veio contribuir para alcançar essa meta. O clima é muito favorável para várias espécies, mas persiste o problema da seca e das as amplitudes térmicas cada vez mais acentuadas.

A mão-de-obra, ou a falta dela, é um dos fatores limitadores do crescimento e competitividade do Alentejo, recrutar profissionais que acompanhem os avanços tecnológicos e a modernização dos setores é cada vez mais complicado para empresas e instituições, no entanto o aumento da qualificação contribui para que exista um “esvaziamento” de profissionais com o designado ensino médio, muitas das vezes os profissionais disponíveis, não têm o perfil necessário para a satisfação das necessidades do empregador.

Outro dos grandes desafios da região é a sustentabilidade, aliás esta é uma problemática transversal ao país e ao mundo, a gestão dos consumos energéticos deve ser feita através do recurso a novas fontes de energia, no Alentejo existe um recurso altamente disponível, o sol, pelo que a aposta no fotovoltaico assume-se cada vez mais como o caminho a seguir.

No âmbito de inquérito que corre termos no DIAP de Évora e por suspeitas da prática de crime de homicídio na forma tentada, na passada terça-feira, foi detido, por mandado do Ministério Público, um homem com 40 anos de idade.

Presente, a 16 de Outubro, ao juiz de instrução criminal de Évora para interrogatório e aplicação de medidas de coação e na sequência de promoção do Ministério Público, o juiz decidiu aplicar ao arguido a medida de coação de prisão preventiva, por entender verificar-se, em concreto, perigo de continuação da atividade criminosa e perigo de perturbação do inquérito, nomeadamente, perigo para a aquisição e conservação da prova e indiciando-o pela prática de um crime de homicídio sob a forma tentada.

Os factos, fortemente indiciados, ocorreram no dia 14 de Outubro de 2019, pelas 16H15, em Torre de Coelheiros - Évora, tendo o arguido, na sequência de uma discussão verbal e revelando uma personalidade vingativa e direcionada contra a vida de terceiros, desferido com um machado corticeiro um golpe que atingiu na face e na orelha o ofendido, provocando-lhe ferimentos.

O inquérito prosseguirá os seus termos na 1ª secção do DIAP de Évora, sendo o Ministério Público coadjuvado pela Polícia Judiciária de Évora.

A Fundação Eugénio de Almeida assinala a despedida dos Monges Cartuxos do Mosteiro de Santa Maria Scala Coeli, em Évora, com um programa institucional que se realiza no próximo dia 26 de outubro, a partir das 17 horas no Auditório e Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida.

Às 17h00 o Padre Antão Lopez, monge cartuxo em Évora há 50 anos e Prior da Cartuxa de Santa Maria Scala Coeli desde 1989, conversa com José Manuel Fernandes, Diretor do jornal Observador, evocando memórias e vivências do seu percurso monástico e da relação da Cartuxa com a Fundação e com a cidade.

Às 18h00, no Centro de Arte e Cultura, será inaugurada a exposição Saudades dos Cartuxos, com a presença de D. Francisco José Senra Coelho, Arcebispo de Évora e Presidente do Conselho de Administração da Fundação Eugénio de Almeida.

O júri do Prémio de Pintura Henrique Pousão decidiu por unanimidade atribuir o galardão da edição de 2019 à obra “A Bancada”, da autoria de Pedro Espanhol, anunciou a autarquia de Vila Viçosa.

Segundo o documento publicado pela autarquia calipolense, após troca de impressões relativamente à análise das quinze obras submetidas a concurso, para além da atribuição do prémio, deliberou ainda “atribuir três Menções Honrosas: à obra Interlúdio de um Sonho que Pintava, da autoria de Duarte Parreira; ao trabalho Registo 007 - Figo, firmado por Fernando Manuel Martins Gil; e à obra intitulada Pão Duro, do autor Rui Alexandre Amador Macedo, sendo todas as referidas Menções Honrosas atribuídas por unanimidade”.

O Prémio de Pintura Henrique Pousão, instituído pelo Município de Vila Viçosa, visa estimular os artistas locais e regionais e atividade cultural na área da pintura e, sobretudo, evocar as grandes figuras calipolenses, como é o caso singular de Henrique Pousão, ilustre pintor calipolense e proeminente figura da arte e da cultura do século XIX.

O mencionado Prémio tem um valor de 2.500,00 € e contempla total liberdade temática, admitindo-se todas as tendências e correntes estéticas, desde que se enquadrem na disciplina de pintura.

São Pedro do Corval, no concelho de Reguengos de Monsaraz, vai ver requalificado e ampliado o lar de idosos do Centro Social e Paroquial de Nossa Senhora do Rosário.

O concurso público, com vista a uma ampliação e requalificação da referida infraestrutura, foi lançado esta sexta feira, 18 de outubro.

O concurso tem uma base de 400 mil euros e execução estimada de 15 meses.

Para além da ampliação, as obras de requalificação englobam o fornecimento e montagem de sistema solar térmico e o fornecimento e montagem de um elevador elétrico.

A CIMBAL - Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo e a AEP – Associação Empresarial de Portugal organizam o Link Lab de Beja que tem lugar a 29 de outubro na CIMBAL.

Os LINK LABS são sessões de promoção da cooperação e de disseminação do projeto AEP LINK. Um projeto de promoção da cooperação e coopetição no tecido empresarial português, em três domínios críticos de competitividade: economia digital, inovação e investimento.

O Link Lab de Beja é construído a pensar nas empresas, visa potenciar novos contactos e o encontro de oportunidades.

Deflagrou um incêndio durante a tarde desta sexta feira, 18 de outubro, no concelho de Almodovar.

Segundo as informações da PROCIV, o alerta foi dado pelas 14H31, tendo as chamas deflagrado na freguesia de Santa Cruz, concelho de Almodovar.

As chamas consumiram uma zona de mato e chegaram a mobilizar mais de 2 dezenas de operacionais, sendo apoiados por algumas viaturas e ainda um meio aéreo ligeiro.

Ao fecho desta edição o incêndio já se encontrava em fase de conclusão, permanecendo no local 18 operacionais, sendo apoiados por 3 viaturas.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31