As tradicionais festas do Senhor Jesus da Piedade e Feira de São Mateus arrancaram esta sexta-feira(20 de Setembro) em Elvas onde são esperados milhares de pessoas até ao próximo dia 29.

As festas da cidade alentejana de Elvas abriram com a Procissão dos Pendões, presidida pelo arcebispo de Évora, D.José Alves.

Já na ExpoSão Mateus subiu ao palco o cantor Emanuel, terminando o primeiro dia de festas com fogo de artificio.

A Rádio Campanário esteve presente neste primeiro dia e falou com José Rondão Almeida, Presidente da Câmara de Elvas, que nos falou das expetativas para a edição deste ano, bem como do programa que compõe a ExpoSão Mateus.

{play}http://radiocampanario.com/sons/rondao_sao_mateus_21set.mp3{/play}

Recordamos que a romaria de São Mateus é uma das mais importantes do país e o programa dos festejos, que decorrem até 29 de setembro, inclui cerimónias religiosas, espetáculos musicais, tauromáquicos e pirotécnicos e exposições.

Fique com as imagens do primeiro dia:

 

Continua a decorrer até dia 22 de Setembro, a I Semana Cultural de Sousel promovida pelo Município local, com um variado programa onde se inclui espetáculos musicais exposições, largadas de toiros, folclore, concursos de gastronomia e ainda uma corrida de touros.

O quinto dia (20 de Setembro) deste certame ficou marcado pela inauguração do Auditório Municipal. Um espaço que irá dotar Sousel com uma sala de cinema, sendo também um local que pode albergar outro tipo de eventos, uma obra que rondou os 400 mil euros, tal como nos disse Armando Varela, Presidente da Câmara Municipal de Sousel:

{play}http://radiocampanario.com/sons/sousel_varela_auditorio_21set.mp3{/play}

Mas neste dia os Souselenses tiveram ainda oportunidade de assistir a uma largada de touros e a um concerto musical intitulado “A minha música – Tributo a José Cid”.

Dia 22 de setembro é a data de encerramento da Semana Cultural de Sousel. Até lá, música, exposições, largadas de toiros e muito mais fazem parte da programação.

A primeira Semana Cultural de Sousel, conta ainda folclore, exposições e concursos de gastronomia.

No âmbito do evento vão ser inaugurados o Auditório Municipal e as obras da igreja do Convento, além de decorrer o II Concurso Regional de Sousel do Rafeiro Alentejano.

A Rádio Campanário marcou presença no terceiro dia, em que atuaramn vários Grupos de dança do concelho e ainda a Orquestra Ligeira da Escola de Musica de Santo Amaro.

 

Um espetáculo marcado pela juventude dos artistas em palco, do qual lhe mostramos de seguida as imagens:

No segundo dia da I Semana Cultural de Sousel, 17 de setembro, os souselenses puderam visitar a exposição “Lenços com História”, inaugurada pelas 19h, na Biblioteca Municipal e que estará patente até ao final desta semana.

O ponto alto do dia chega com a sessão de fados, centenas de pessoas encheram a Praça da República para ouvir os fadistas da noite.

Hélder Moutinho, presença especial deste dia em Sousel, cantou, encantou e falou com a Rádio Campanário.

{play}http://radiocampanario.com/sons/Helder_Moutinho_sousel.mp3{/play}

A I Semana Cultural decorre até ao próximo domingo, 22 de setembro. Fique com as imagens de uma noite dedicada ao fado.

 

A cidade de Estremoz foi, esta segunda-feira, 16 de setembro, palco de um evento pouco habitual por terras do Alentejo. Entre famosos e anónimos muitos foram os que marcaram presença no Palácio dos Marqueses de Praia e Monforte, pelas 18h, para a apresentação da próxima novela da estação de televisão TVI, “Belmonte”.

A Rádio Campanário este presente no evento, que contou com a presença do diretor geral da TVI, Luís Cunha Velho, os administradores da produtora Plural Entertainment, entidades convidadas, comunicação social e com todo o elenco da novela. O Presidente da Câmara Municipal de Estremoz (CME), Luís Filipe Mourinha e Ceia da Silva, Presidente do Turismo do Alentejo fizeram as “honras da casa”.

A apresentação iniciou com o cortejo dos atores e atrizes como, Paulo Pires, Filipe Duarte, João Catarré, Diogo Amaral, Marco d’Álmeida, Lourenço Ortigão, Graziela Schimtt, Manuela Couto, Joana Solnado, entre outros, pelo centro da cidade com destino obrigatório à passadeira vermelha do Palácio dos Marqueses de Praia e Monforte, onde eram esperados com grande expetativa.

A apresentação oficial da novela “Belmonte” aconteceu no pátio interior do Palácio, e os discursos iniciaram com as palavras de “agradecimento e felicidade” de Luís Filipe Mourinha “por Estremoz ser o palco escolhido pela Plural e TVI para a realização de mais uma produção, que será de sucesso”. Seguiu-se o Presidente do Turismo do Alentejo, que considerou que “as imagens da novela promovem o Alentejo, mostram o que de melhor pode ser vendável para o exterior”. O diretor geral da TVI, confessou-se “um apaixonado pelas paisagens, pela luz e pelas pessoas desta região privilegiada”, e que “a mesma permitiu a sinergia perfeita na adaptação do livro à novela”. Luís Esparteiro, representante da Plural Entertainment, encerrou o momento dedicado às palavras e deu lugar às primeiras imagens de “Belmonte” a que todos reagiram com entusiasmo.

A Rádio Campanário falou com Luís Cunha Velho, que salientou como “o encontro com a região onde predominam a vinicultura, as explorações de mármore e a produção azeites e um elenco de luxo, farão o grande sucesso desta produção”.

{play}http://radiocampanario.com/sons/cunha%20velho_17set.MP3{/play}

O edil da cidade de Estremoz disse-nos que “muitos concelhos estão cheio de inveja por não terem este evento e esta novela” e que “qualquer investimento será largamente compensado na promoção da cidade, quando começarem a aparecer as imagens da novela”

{play}http://radiocampanario.com/sons/mourinha_novela_17set.mp3{/play}

“Belmonte” retrata a vida familiar de cinco irmãos, adotados e residentes no Alentejo. Emílio Belmonte, o patriarca, morre e o rumo desta família rica torna-se diferente. A guerra pela fortuna do pai muda a relação entre os irmãos Belmonte, principalmente, depois da chegada imprevista de duas mulheres que estavam no Brasil.

Cada irmão assume a sua função nas empresas da família e nas histórias que se passam na Herdade da Família Belmonte, no concelho de Estremoz, o local escolhido para os principais desenvolvimentos desta história. 

“Belmonte” estreia no próximo dia 23 de setembro no grande ecrã, uma nova família da ficção nacional que por certo contará com encanto de estremocenses e alentejanos.

Decorre até Domingo, a primeira Semana Cultural de Sousel, envolvendo espetáculos musicais, poesia popular, corrida e largada de toiros, garraiada, folclore, exposições e concursos de gastronomia.

No âmbito do evento vão ser inaugurados o Auditório Municipal e as obras da igreja do Convento, além de decorrer o II Concurso Regional de Sousel do Rafeiro Alentejano.

A Rádio Campanário marcou presença no primeiro dia desta semana Cultural e falou com Armando Varela, Presidente do Município Souselense, que nos falou um pouco desta semana cultural afirmando que é uma mostra do que é a cultura de Sousel.

O autarca fez o convite a todos para nesta ocasião a visitar o concelho, para “viver e sentir Sousel”:

{play}http://radiocampanario.com/sons/varela_sousel%2017set.MP3{/play}

Os Claustros do Seminário São José, em Vila Viçosa, foi o palco privilegiado na noite do passado dia 13 de setembro, que recebeu a 5ª Grande Gala do Fado da Rádio Campanário, resultando em mais um sucesso, como vem acontecendo ao longo dos anos.

Em palco estiveram vários fadistas de renome, grandes vozes nacionais como, José Perdigão Teresa Tapadas e Fado Marialva (Manuel da Câmara, Rodrigo Pereira e Francisco Martins). A noite abriu com a voz de José Perdigão, que cantou à capela e deixou os presentes preparados para a noite de excelência, que foi a V Gala.

Para além do Fado, os presentes tiveram a oportunidade de degustar as iguarias tipicamente alentejanas, num momento que certamente ficará gravado na memória de todos, resultando assim em mais um sucesso da Rádio Campanário.

Fique com algumas imagens deste espetáculo. (Vídeo - brevemente disponível)

No passado dia 14 de Setembro os Bombeiros Voluntários de Alandroal inauguraram os arranjos exteriores do quartel desta corporação.

Uma cerimónia que contou com dezenas de alandroalenses a assistir a este ato, tendo estado presente o Presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito de Évora, Inácio Esperança, bem como os membros da Associação dos Bombeiros e também o Presidente da Câmara Municipal de Alandroal, esta que financiou esta obra, tal como nos disse António Bastos da Direção, que lançou ainda o apelo à população para ajudar a pintar o quartel dos Bombeiros:

{play}http://radiocampanario.com/sons/bombeiros_alandroal_antonio_bastos.mp3{/play}

Falamos ainda com João Grilo, Presidente do Município Alandroalense, que referiu terem sido gastos cerca de 40 mil euros nos arranjos exteriores do quartel dos bombeiros, deixando também a promessa de propor em reunião de Câmara, a colaboração na pintura do quartel:

{play}http://radiocampanario.com/sons/bombeiros_alandroal_grilo.mp3{/play}

Decorreu durante 2 dias, quinta e sexta-feira, 12 e 13 de setembro, no Cine-Teatro Florbela Espanca, em Vila Viçosa, o Colóquio de Homenagem a Rui Knopfil, «A razão e o Rumo».

Este colóquio resulta da parceria da Câmara Municipal de Vila Viçosa e o Centro de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro (CLC) e tem como objetivo valorizar a obra poética de Rui Knopfil , aprofundando , através do seu estudo renovado, a relação entre a poesia de Knopfil e a literatura e cultura de Moçambique.

Eugénio Lisboa, antigo docente do Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro e profundo conhecedor da obra de Knopfil, apelou para o facto de se completarem 15 anos da sua morte, no ano de 2012. No entanto só agora foi possível corresponder a esse apelo por parte do CLC, em assinalar o aniversário da morte de Knopfil, que está sepultado em Vila Viçosa, e que justifica o interesse da CMVV, desde o início, na realização do colóquio.

A Rádio Campanário esteve presente na sessão de abertura dos trabalhos, pelas 10h da manhã, que iniciou com as palavras de agradecimento, a todos os intervenientes, da moderadora, Isabel Cristina Rodrigues, seguida do Presidente da CM de Vila Viçosa, Luís Caldeirinha Roma, Manuel António Assunção, Reitor da Universidade de Aveiro, Carlos Morais, diretor do Departamento de Línguas e Culturas da UA, e Otília Martins coordenadora do CLC da UA.

O concerto musical nos Panteão dos Duques de Bragança encerrou este colóquio, pelas 18h, de sexta-feira.

O CLC está a organizar um volume inteiramente consagrado à figura e obra do autor de “A ilha de Próspero”, que colige textos das comunicações no âmbito do colóquio, bem como outros estudos.

A Câmara Municipal de Vila Viçosa, inaugurou na passada quarta feira (11 de Setembro) o novo Museu do Mármore.

Localizado na pedreira da Gradinha, neste espaço museológico agora inaugurado podem ser observadas várias imagens da extração do mármore à uns anos atrás, bem como toda a maquinaria que se utilizava nesta industria.

Tal como nos disse Luis Roma, Presidene do Municipio Calipolense, este será um espaço que mostra “o que foi, o que é e o que pode vir a ser” a indústria do Mármore, adiantando-nos ainda que esta obra teve um custo superior a 155 mil euros.

O autarca revelou-nos ainda que o Município voltará ainda em Setembro a promover um espetáculo numa pedreira:

{play}http://radiocampanario.com/sons/roma_museu_12set.MP3{/play}

Presente nesta inauguração esteve também o Presidente da Entidade Regional de Turismo, Ceia da Silva, que afirmou ser um equipamento que se insere no espaço de eqipamentos do turismo cultural, bem como a sua importância ligação a um produto endógeno da região, que é o mármore:

{play}http://radiocampanario.com/sons/ceia_silva_museu_marmore_12set.MP3{/play}

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Agosto 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31