"Berardo representa a elite medíocre que tem arruinado Portugal" (c/som)

Publicado em Revista de Imprensa 13 maio, 2019

O deputado António Costa da Silva, eleito pelo círculo de Évora do PSD à Assembleia da República, no seu comentário desta segunda-feira, dia 13 de maio de 2019, abordou aos microfones da Rádio Campanário as polémicas declarações de Joe Berardo durante a audição a que foi alvo, e ainda os resultados das últimas sondagens que colocam António Costa a subir e Rui Rio a ver a sua avaliação descer quase um valor.

No que respeita ás declarações de Joe Berardo durante a audição, António Costa da Silva considera que o sentimento de indignação “deve ser de quase todos os portugueses”, acrescentando que “tirando todos aqueles que têm as práticas do senhor Berardo” é para ficarem indignados.

O deputado afirma que “nenhum português de bom senso aceita aquelas declarações”, a audição “mostrou que ele esteve a gozar com as pessoas”, justificando que “alguém que deve ao estado quase mil milhões de euros não pode ter aquelas declarações”.

António Costa da Silva considera que “Berardo faz parte de uma elite medíocre que tem arruinado o país”, apontando “as dividas, compras de ações completamente irresponsáveis, tentando ganhar o poder económico ás custas de todo nós” como principais causas. O deputado acrescenta ainda que “temos sido roubados por estes senhores”.

No que concerne aos dados avançados pela Aximage, que após a ‘crise política’ colocam o PS a subir nas intenções de voto, António Costa a subir em popularidade e Rui Rio a descer, o deputado refere que “as sondagens também apontam o PSD a subir”.

António Costa da Silva refere que “criou-se uma perceção nos portugueses que o PSD recuou, quando nunca recuou, que o PSD não foi responsável, quando o foi, que o PSD não foi coerente, quando o foi” acrescentando que “essa imagem e a teatrada que tivemos do primeiro ministro permitiu enganar os portugueses”.

O deputado manifesta como principal preocupação “os portugueses valorizarem demasiado os habilidosos, avaliarem positivamente um habilidoso em detrimento de quem é sério é preocupante”.

Questionado pela Rádio Campanário se a ‘teatrada da crise politica’ beneficiou o PS, António Costa da Silva refere que “espero que não, não quero acreditar que os portugueses se deixem enganar desta forma”.

Veja também...

Histórico de Notícias

« Setembro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30