×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Comentário Semanal do deputado João Oliveira, aos microfones da Rádio Campanário (c/som)

Revista de Imprensa 12 maio 2021

Na Revista de Imprensa desta quarta-feira, 12 de maio, contámos com o comentário do deputado João Oliveira, do Partido Comunista Português (PCP).

Foram abordados alguns temas que marcam a atualidade – a situação que se vive no concelho de Odemira, a criação de cercas sanitárias motivadas pelos casos de covid no concelho, e as condições de vida dos imigrantes que trabalham na agricultura, e também a situação relacionada com os problemas da habitação.

Sobre o caso dos trabalhadores imigrantes, João Oliveira refere que “A situação sanitária, e o problema da covid, em Odemira, veio trazer à evidência os problemas, da exploração e do trabalho, a que um largo milhar de trabalhadores agrícolas estão sujeitos”, referindo que foi “a medida do governo, de decretar a cerca sanitária” que “acabou por expor, as condições em que as pessoas viviam e que eram a verdadeira origem do problema da infeção”.

João Oliveira continua, referindo que “de repente todo o país ficou a conhecer a situação de quase escravatura dos imigrantes”, mas alerta que esta situação não tem que ver só com os imigrantes, e expõe que “a situação tem sido muito focada nos imigrantes mas a exploração laboral abrange também trabalhadores nacionais, não apenas em Odemira, mas outros sítios do país”, dando como exemplo as estufas do Oeste, e os trabalhadores do setor da pesca, para explicar que “é um problema que tem estado escondido”.

O comentador alertou para o facto de que “O PCP, desde 2011, tem tido iniciativas sobre esta questão, denunciando (...) e apresentando iniciativas concretas, para que este problema se possa resolver”, mas afirma que, na época, o governo “encolheu os ombros e continuou a fazer o que estava a fazer, a desgraçar a vida às pessoas, com o pacto da Troika”.

Desde 2012 que esta situação é do conhecimento de sucessivos governos” refere ainda o Deputado João Oliveira que fez questão de referir ainda que “não se pode dizer que se tenha andado desatento a este problema porque houve quem alertasse para ele e o trouxesse à Assembleia da República.”

O deputado João Oliveira, vai mais longe, dizendo que “Estamos numa situação em que os serviços públicos não conseguem dar resposta, a rede de saúde e as escolas não estão dimensionadas à população existente”, alertando, da mesma forma, “os problemas da habituação são problemas dramáticos”.

Fecha esta assunto, dizendo que vários governos foram questionados, mas que “o encolher de ombros foi o denominador comum, dos governos, que não quiseram saber destas pessoas, das condições de vida destas populações, de todas as populações, não só dos imigrantes mas de todas”.

Questionado sobre se, em sua opinião, se devia ter feito mais,considerando que o Primeiro Ministro admitiu que em 2019 o Governo teve conhecimento dos problemas de habitação existentes neste concelho, o deputado refere: “estas declarações do primeiro-ministro são um choro tardio”, relatando que “devia ter tratado destas questões mais cedo ” dizendo que “este problema da exploração dos trabalhadores, problema central em Odemira mas também em outras zonas, tem autores e tem cúmplices”, e que “os autores são as empresas e empresários que acumularam milhões e milhões de euros de lucro, à custa da escravatura das pessoa e que têm que ser responsabilizadas e punidas; os cúmplices são todos os que deviam ter intervido e não o fizeram, a começar pelos governos .”

Termina falando sobre a decisão do governo relativa às cercas sanitárias, João Oliveira, refere que “são soluções (…) com efeito temporário” mas “não é uma solução verdadeira para o problema”, afirmando que é preciso “reforçar a saúde pública”, e que, “se não houverem medidas de controlo de grande proximidade, o problema vai continuar a desenvolver-se”.

Veja também...

Histórico de Notícias

« Junho 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30