Borba

Árbitro alentejano, Luís Godinho, avisou delegados da Liga sobre os insultos racistas dirigidos a Marega

Desporto 17 Fev. 2020

O jogo de futebol entre o Vitória de Guimarães e FC Porto, do último domingo, ficou marcado por incidentes de cariz racista, que obrigaram ao abandono do futebolista maliano, Moussa Marega.

Segundo avança a edição online do jornal desportivo A Bola, o árbitro alentejano, Luís Godinho, terá sido alertado pelo futebolista sobre os insultos racistas de que estava a ser alvo, logo após festejar o golo que marcara.

A equipa de arbitragem liderada pelo juiz de Borba, ter-se-á apercebido da situação, tendo Luís Godinho informado o delegado da Liga e o delegado do Vitória de Guimarães que interromperia o jogo se a situação se mantivesse, tal como determina o protocolo para lidar com casos de racismo.

A interrupção não viria a ser necessária, pois Moussa Marega veio a abandonar as 4 linhas, acabando por obrigar o FC Porto a uma substituição forçada.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Março 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31