Imprimir esta página

Vila Vicosa

“Imaculada Conceição celebra este ano o seu dia só com os filhos da terra “, diz Fernando Pinto, Juiz da Régia Confraria

Entrevistas 23 Nov. 2020

Aproxima-se o dia 8 de dezembro, dia de Nossa Senhora da Conceição, Padroeira de Portugal.

Tendo em conta a situação pandémica vivida em Portugal Continental, as celebrações deste ano vão estar condicionadas às restrições existentes por força do novo coronavírus.

Fernando Pinto, Juiz da Régia Confraria de Nossa Senhora da Conceição, em entrevista exclusiva à Rádio Campanário,  adiantou-nos que “ este dia 8 de dezembro, o mais importante para Vila Viçosa por ser o dia da Imaculada Conceição e nossa Padroeira, vai ser celebrado com grandes alterações no programa das celebrações.”

Fernando Pinto sublinhou que “ este ano não vai haver procissões e as celebrações vão ser realizadas com um número de pessoas limitado, estando prevista, para além dos lugares existentes dentro do santuário, a colocação de cadeiras no exterior do mesmo.”

No que diz respeito às circulações “também elas vão sofrer alterações uma vez que, de acordo com as normas em vigor, a Igreja teve que se adaptar a esta nova realidade.”

Relativamente ao programa das celebrações, o mesmo iniciar-se-á no dia 29 de novembro com a Novena preparatória para a Solenidade da Imaculada Conceição, com terço e pregação,que irá ser transmitida em direto pela Rádio Campanário,  novena esta que se prolongará até dia 7 de dezembro, dia em que será feito o seu encerramento.

Quanto ao programa de dia 8, será realizada a habitual Eeucaristia, pelas 11h, presidida pelo Arcebispo de Évora, D. Francisco José Vilas Boas Senra de Faria Coelho.

O Juíz da Régia confraria garantiu ainda que a Eucaristia poderá ser acompanhada através da página oficial de facebook do Santuário de Nossa Senhora da Conceição ou através da emissão da Rádio Campanário Voz de Vila Viçosa que, á semelhança de anos anteriores, fará a transmissão em direto.

No que diz respeito à Eucaristia que habitualmente se realiza ás 17 horas,após o término da procissão, Fernando Pinto sublinhou “ este ano a eucaristia das 17 horas não vai ocorrer, uma vez que estará em vigor a proibição de circulação entre concelhos, as pessoas que estarão no dia 8 serão as pessoas do concelho de Vila Viçosa, e até para evitar mais ajuntamentos de pessoas, razão pela qual esta Eucaristia não vai ser realizada.”

No que diz respeito à capacidade de lotação do Santuário de Nossa senhora da Conceição e ao número de pessoas que poderá marcar presença nestas celebrações, Fernando Pinto referiu “teremos à volta de 30% do número de pessoas que habitualmente temos. No cumprimento das normas de distanciamento social em vigor, o interior do Santuári terá capacidade para cerca de 90 a 100 pessoas, mas cá fora iremos colocar cerca de 200 a 300 cadeiras, onde estará também um ecrã para que, quem está no exterior, possa acompanhar a celebração.Quem quiser ficar de pé também o poderá fazer uma vez que existirão lugares devidamente delimitados para o efeito.”

Relativamente ao volume de doações que é habitual ser recebido pelo Santuário de Nossa senhora da Conceição em particular neste dia, e considerando que o número de participantes nas celebrações será significativamente mais reduzido que o habitual, o que poderá condicionar a atividade do Santuário nos meses seguintes, Fernando Pinto referiu “o dia 8 é por excelência o dia grande na entrada de fundos no santuário, fundos esses que permitem posteriormente recuperar e restaurar quer o Santuário quer as imagens que se encontram nele.”

Tendo em conta as limitações deste ano, a Régia Confraria preparou um documento que irá distribuir aos escravos e confrades, às entidades,às empresas, ao comércio local e à população em geral apelando a que, quem o queira e possa fazer, entregue o seu donativo para ajudar o Santuário.”, diz Fernando Pinto.

O Juiz da Régia Confraria de Nossa senhora da Conceição adiantou-nos ainda de que forma podem as pessoas formalizar os seus donativos ao santuário, uma vez que não podendo estar presencialmente em Vila viçosa, não deixem de ter a possibilidade de os efetuar. Fernando referiu que os mesmos podem ser feitos de três formas:

  • Através do envio de cheque bancária para o santuário de nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa, Largo do santuário nºs 13 e 15, 7160 Vila Viçosa;

  • Através de transferência bancária para o NIB: 0045 6380 4004 6852090 98;

  • Ou através de envio de vale de correio;

Fernando Pinto, Juiz da Régia Confraria de Nossa Senhora da Conceição termina deixando uma mensagem convidando todos os fieias a acompanharem as celebrações através dos meios digitais disponibilizados e no caso dos habitantes do concelho de Vila Viçosa, que venham presencialmente ao Santuário.