25 Jun. 2022
Augusta Serrano;
Firmamento da Noite
00:00-04:00

Evora

NERE ÉVORA: “O objetivo é ter um ninho de empresas em V. Viçosa, mas Roma e Pavia não se fizeram num dia” diz Presidente da CM de Vila Viçosa(c/som)

Entrevistas 05 Abr. 2022

Numa organização do NERE-Núcleo empresarial da Região de Évora, em conjunto com o NERPOR e o NERBE decorreu, esta manhã, em Évora, o Fórum Empresarial do Alentejo.

Para além deste fórum, foi ainda inaugurada a nova incubadora e aceleradora Find.e, numa cerimónia presidida por Vítor Barbosa, presidente da Assembleia Geral do NERE, Carlos Pinto de Sá, Presidente da Câmara de Évora e Filipe Palma, em representação da CCDR Alentejo.

Esta nova incubadora permite agora acolher mais 15 novas empresas e, consequentemente, novos postos de trabalho.

No âmbito do reforço das parcerias nacionais e internacionais ao abrigo do projeto Alentejo Export 2.0 foram ainda assinados diversos protocolos de parceria, entre eles o protocolo de parceria com o Município de Vila Viçosa.

A rádio campanário esteve presente nesta assinatura e falou com Inácio Esperança, Presidente da Câmara Municipal de Vila Viçosa a este propósito.

O autarca começou por nos referir “este protocolo de parceria com o NERE vai no sentido de o NERE se deslocar a Vila Viçosa quinzenalmente, agora ainda nas instalações da Câmara Municipal de Vila Viçosa, dentro de pouco t6empo passará a ser no mercado Municipal.”

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal de Vila Viçosa, com esta parceria o Município pretende “incentivar os comerciantes de Vila Viçosa e os empresários, pequenos, médios e grandes, a candidatarem-se a fundos comunitários, a darmos-lhe apoio efetivo à candidatura e ao seu acompanhamento através do NERE e da equipa de técnicos que vai fazer essa assessoria.”

O Autarca informa ainda que “desde já está aberta, a custo zero, a possibilidade de todos os comerciantes de Vila Viçosa (restaurantes, pequeno comércio, ENIS, microempresas )fazerem a sua promoção digital com a construção de páginas, construção de conexões com bancos, etc, de forma gratuita, pago integralmente por fundos comunitários , com este apoio do NERE e do Município de Vila Viçosa.”

Os interessados, basta dirigirem-se ao Município e efetuarem a sua inscrição.

O edil “apela à população para que adira, que digitalizem os seus negócios pois o futuro, de facto, é o digital” acrescentando ainda que “espera que os interessados possam integrar estas plataformas que estamos a criar com o NERE, para que possamos vender os nosso produtos para o mundo inteiro on-line.”

Inácio esperança acrescentou ainda “para além disso vamos ainda instalar na Praça da República um Tomi(solução interativa de comunicação e informação urbana que disponibiliza informação no local certo à hora certa. É muito mais do que um quiosque interativo ou um quiosque multimédia) para que possa existir quase um centro comercial a céu aberto na vila.”

Para além destes projetos, o presidente da autarquia calipolense adiantou-nos ainda que o Município vai “apresentar uma candidatura aos bairros digitais para apoiarmos ainda mais, não só na digitalização do negócio que essa já está garantida, mas também na remodelação de alguns espaços e até espaços públicos para que possamos tornar esta atividade do comércio dentro de Vila Viçosa mais atraente e colocarmos os nossos produtos a um passo, a um dedo do mundo para que todo o mundo os passa comprar.”

Segundo o Autarca “trata-se de um investimento de 4.000 euros da parceria com o NERE mais 41.000 euros no espaço Cowork que vai ser implementado no Mercado Municipal e no espaço de reuniões e de trabalho conjunto que vai ser financiado a 100%.”

Questionado sobre a importância da expansão das empresas para outros mercados assim como a importância da era digital, Inácio esperança reforça “a digitalização é a internacionalização e é o futuro” sublinhando ainda ”nesta senda da digitalização estamos a explicar às pessoas e ás empresas o que são as blockchain, as moedas digitais, as criptomoedas porque tudo isto vai ser o futuro.”

O Edil Calipolense adianta ainda “para nós a cereja no topo do bolo seria conseguir ter em Vila Viçosa um ninho de empresas ou um viveiro como as que temos aqui, sono com isso desde que sou presidente da Câmara , já visitei e temos parcerias com o IPP que tem também um ninho de empresas, está este aqui e queremos ter um em Vila Viçosa para permitir aos jovens e menos jovens, aqueles que têm ideias, que querem criar um negócio, que o possam fazer de uma maneira simpática e económica e que, no fundo, possam desenvolver a nossa terra que é esse o nosso objetivo.”

“Estamos a trabalhar muto neste objetivo e eu espero conseguir mas Roma e Pavia não se fizeram num dia mas penso que vamos conseguir alguns resultados neste sentido” conclui Inácio Esperança.

 

 

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Junho 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30