Imprimir esta página

Santo Amaro

1º ciclo de Santo Amaro (Sousel) com autorização excecional do Governo para funcionar até ao final do ano letivo

Regional 02 Fev. 2018

A região Alentejo conta com duas escolas do 1º ciclo do ensino básico sinalizadas para encerrar, mas que têm autorização excecional do Governo para funcionar até ao final do ano letivo.

De entre a lista de 63 escolas divulgada pelo Governo, surge a Escola Básica de Santo Amaro, do Agrupamento de Escolas de Sousel e a Escola Básica de Rio de Moinhos, do Agrupamento de Escolas de Aljustrel, que continuam a sua atividade até ao final do ano letivo de 2017-2018, devido a autorizações temporárias.

A sinalização de escolas para encerramento, na maioria dos casos, deve-se à falta de alunos, existindo escolas nesta situação há cerca de uma década, mas que conseguem continuar o seu funcionamento obtendo esta autorização de ano para ano.

A falta de alternativas, a oposição das autarquias ou a inversão na quebra populacional surgem como as razões para o prolongamento do seu funcionamento.

De salientar que, segundo dados do INE - Instituto Nacional de Estatística referentes ao ano de 2011, a freguesia de Santo Amaro, concelho de Sousel, tinha 644 habitantes, e a freguesia de Rio de Moinhos, concelho de Aljustrel, tinha 741 habitantes.

Recorde-se que desde 2002, foram encerradas em Portugal quase 5 mil antigas escolas primárias.