Alentejo Litoral

4 municípios alentejanos integram Rede Nacional de apoio às Vítimas de Violência Doméstica

Regional 28 Fev. 2019

O Protocolo para a Territorialização da rede nacional de apoio às Vitimas de Violência Doméstica dos concelhos de Alcácer do Sal, Grândola, Santiago do Cacém e Sines foi assinado ontem em Grândola durante uma cerimónia presidida por Rosa Monteiro, Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade.

O documento subscrito por 22 entidades, entre as quais a Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, os Municípios de Alcácer do Sal, Grândola, Santiago do Cacém e Sines, a Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género e a INTERVIR.com – Associação de Promoção da Saúde, Desenvolvimento Social e Cultura, tem como objetivo melhorar a resposta de prevenção, proteção e combate à violência contra as mulheres e à violência doméstica no território dos 4 concelhos do Litoral alentejano.

António Figueira Mendes afirmou que “é fundamental garantir a manutenção e consolidação destes projetos de ação local” revelando que no ano de 2018 foram referenciados em Grândola 17 novos casos de violência doméstica. O autarca referiu por isso que o município “afirma, deste modo e uma vez mais, a sua vontade e total empenho em reforçar o seu papel na cooperação com outras entidades, para a manutenção e consolidação no território concelhio de cada vez melhores soluções articuladas em rede, numa lógica de proximidade que vise a erradicação total e definitiva da violência contra as mulheres e da violência doméstica.”

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Dezembro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31