regional

A peregrinação é como a vida e Fátima é o colo da Mãe o ano todo.

Regional 23 Nov. 2019

Fátima é uma cidade pequena do concelho de Ourém. Os seus 15 mil habitantes estão há muito habituados ao constante vaivém de autocarros de turismo que ali largam visitantes vindos, literalmente, dos quatro cantos do mundo. A fé não tem nacionalidade e em Fátima isso é bem evidente. 

Mesmo quem não é católico não fica indiferente à atmosfera que se vive em Fátima. As demonstrações de fé, estão espalhadas por todos os cantos do santuário.
Facilmente nos cruzamos com alguém que, de joelhos, percorre a passadeira que se estende da Basílica da Santíssima Trindade até à Capela das Aparições. Nos rostos de quem paga uma promessa tanto se vê cansaço e dor, como contentamento de quem chega ao fim de um caminho duro.
Está magia de fé e esperança  13 de Maio de 1917, Nossa Senhora apareceu  aos 3 pastores – Lúcia, Jacinta e Francisco, pela primeira vez. A imagem de Nossa Senhora  foi avistada no topo de uma azinheira no lugar da Cova da Iria. Nesse local foi erguida uma pequena capela – a Capela das Aparições.

As peregrinações têm milénios de história. Alguns dos caminhos ainda se mantêm intactos e até reganham força. Os próprios governos e autoridades autárquicas redesenham estes percursos, melhorando os seus pisos e identificando-os para que os peregrinos não se percam. As povoações por onde passam são, regra geral, acolhedoras.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Janeiro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31