Imprimir esta página

Alentejo

ADRAL e CCDR Alentejo vão premiar entidades públicas e privadas pelas boas práticas ambientais

imagem de arquivo imagem de arquivo
Publicado em Regional 11 setembro, 2019

A ADRAL – Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo está a promover, em parceria com a CCDR Alentejo, o Concurso “Prémio Economia Circular nas Instituições não Empresariais do Alentejo”, que visa disseminar e reconhecer ideias, projetos e iniciativas com carácter inovador e diferenciador na área da sustentabilidade e da economia circular, implementados ou a implementar na Região Alentejo. Prevê a atribuição de Menções Honrosas e de um prémio monetário no valor de 1 500 Euros (mil e quinhentos euros).

A Economia Circular é entendida como a economia que promove ativamente o uso eficiente e a produtividade dos recursos por ela dinamizados, através de produtos, processos e modelos de negócio assentes na desmaterialização, reutilização, reciclagem e recuperação dos materiais.

Propõe um novo modelo de pensamento, planeamento e organização social e económica, suportado por políticas públicas coerentes e inovadoras e reflete uma intervenção e objetivo conjunto por parte da Organização das Nações Unidas, da União Europeia e do Governo português.

São beneficiários deste Prémio todas as entidades, públicas ou privadas, não integradas no denominado “sector empresarial”, como Autarquias, Estabelecimentos de Ensino, ONG´s, ADL´s, Clubes Desportivos, Coletividades de Cultura e Recreio, IPSS´s, Misericórdias, entre outras definidas especificamente no Regulamento (disponível no site www.adral.pt).

As inscrições decorrem até ao dia 31 de outubro e as candidaturas podem ser efetuadas através do formulário igualmente disponível no site www.adral.pt.

O Concurso “Prémio Economia Circular nas Instituições não Empresariais do Alentejo” é uma iniciativa promovida pela ADRAL, em parceria com a CCDR Alentejo e financiado pelo Fundo Ambiental.