Odemira

Apenas 2 médicas para 10.000 habitantes leva ao caos no Alentejo Litoral

Regional 10 Fev. 2020

A freguesia de São Teotónio, no concelho de Odemira, está indignada e revoltada com a falta de médicos no Posto de Saúde.

A situação não é propriamente uma novidade, mas tem vindo a agravar-se nos últimos anos.

O aumento da população e o não preenchimento dos quadros necessários ao bom funcionamento da unidade de saúde, são os principais motivos desta situação.

O agravamento da situação tem feito com que a população espere vários meses por uma consulta e ainda se veja obrigada a comprar medicamentos sem comparticipação, uma vez que a passagem de receitas médicas também é demorada.

O Centro de Saúde de São Teotónio conta apenas com duas médicas a prestar serviço, sendo uma a tempo inteiro e outra a tempo parcial, para uma população de 10000 habitantes, que têm vindo a aumentar com os trabalhadores das estufas.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30