Evora

ARS Alentejo e a Universidade de Évora unem energias para mitigar riscos e danos associados aos comportamentos aditivos e dependências na comunidade académica

Regional Escrito por  26 Jun. 2019

Vai realizar-se no próximo dia 26 de junho, pelas 16h30, na Sala dos Atos do Colégio do Espírito Santo da Universidade de Évora, a cerimónia pública de assinatura de um protocolo de cooperação entre a Universidade de Évora e a Administração Regional de Saúde do Alentejo, através da DICAD/ Centro de Respostas Integradas do Alentejo Central.

Este compromisso visa estabelecer relações de colaboração e de intercâmbio entre a Universidade de Évora e a ARS Alentejo no âmbito do desenvolvimento de projetos relacionados com a prevenção e intervenção nos comportamentos aditivos e em dependências em contexto universitário, nomeadamente no âmbito da promoção da saúde de toda a comunidade académica (trabalhadores e estudantes) e na segurança dos locais de trabalho e académicos.

Esta parceria tem como públicos-alvo um número estimado de 10 mil pessoas, entre funcionários, alunos e docentes e enquadra-se no âmbito do projeto “Universidade Saudável”, desenvolvido pela Universidade de Évora desde o ano de 2016.

Os desafios dos comportamentos aditivos e das dependências, com ou sem substância no Alentejo, exigem, das instituições com responsabilidade no setor, um esforço acrescido de articulação e intervenção integrada. É neste quadro que a ARS Alentejo e a Universidade de Évora, unem energias num compromisso público de intervenção. As duas entidades entendem que só a cooperação poderá proporcionar a efetivação de projetos geradores de respostas que possibilitarão mitigar riscos e danos associados aos comportamentos aditivos e dependências.

O Centro de Respostas Integradas do Alentejo Central tem, ao abrigo das suas competências, colocado como prioridade de atuação a intervenção comunitária. Neste âmbito, o contexto universitário, pelas suas características, assume particular prioridade.

Ao abrigo das parcerias informais já em desenvolvimento, com a Associação Académica, Escola Superior de Enfermagem, Serviços Sociais e Departamento de Psicologia, desde o ano de 2007, o Centro de Respostas Integradas do Alentejo Central tem dinamizado, no âmbito dos comportamentos aditivos, ações de cariz preventivo, redução de riscos em contextos de diversão, investigação, acolhimento de estagiários e ações dirigidas a toda a população universitária (trabalhadores, docentes e alunos).

É neste quadro deste trabalho, e considerando a importância social, histórica e cultural da Academia e a necessidade de assegurar o bem-estar das populações que engloba, que a Administração Regional de Saúde do Alentejo, através da DICAD/ Centro de Respostas Integradas do Alentejo Central, irão efetivar este protocolo de cooperação.

O evento assinala ainda a data em que se celebra o Dia Internacional Contra o Uso Ilícito de Drogas e a comemoração do 20º aniversário da Estratégia Nacional de Luta Contra a Droga, proporcionando uma oportunidade de reflexão sobre o uso e abuso de substâncias psicoativas e os seus efeitos na comunidade do Alentejo central.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Julho 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31