Evora

Ausência do arguido Pedro Dias adia leitura de acórdão do julgamento no Tribunal de Évora

Regional 09 Jan. 2019

A leitura do acórdão do julgamento de Pedro Dias, julgado em Évora por furtos numa herdade próxima da cidade, estava agendada para esta terça-feira (8 de janeiro), mas não se realizou por ausência do arguido.

O arguido encontra-se a cumprir pena máxima na prisão de Monsanto (pelo triplo homicídio de Aguiar da Beira), estabelecimento que “alega não ter recebido qualquer notificação” para o recluso comparecer à leitura do acórdão, segundo informações do advogado de Pedro Dias.

A leitura do acórdão do julgamento foi reagendada para o dia 28 do presente mês, pelas 14:00.

Como noticiado anteriormente pela RC, Pedro Dias está acusado pelo Ministério Público de um crime de furto qualificado que remete a março de 2012, na Herdade do Zambujal do Conde, situada na freguesia de Torre de Coelheiros, concelho de Évora. O arguido terá furtado armas, obras de arte e artigos de arte equestre, num valor total calculado de cerca de 300 mil euros.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30