Borba

Câmara de Borba manda fechar Fabrimar por questões de segurança: 28 trabalhadores em risco

Regional 22 Nov. 2021

Através de uma medida cautelar, o Município de Borba decretou o encerramento das atividades numa exploração de mármore, a cargo da empresa Fabrimar, por motivos de segurança, deliberada por unanimidade, na reunião de executivo do passado dia 03 de novembro.

De momento, a empresa tenciona efetuar o pedido de suspensão desta medida. Mas caso o pedido de suspensão não seja atendido, segundo a Rádio Campanário conseguiu apurar, o grupo espanhol Hebisa, que detém esta empresa, pondera encerrar a atividade e sair do país, deixando assim 28 trabalhadores desempregados.

Segundo é possível ler nas deliberações no edital 55/2021, da Câmara Municipal de Borba, “a presente medida é aplicada por um prazo de seis meses, ou par aquele que, sendo inferior, permita a determinação da ausência de risco”.

(em atualização)

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Janeiro 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31