Evora

Cátedra de Energias Renováveis da Universidade de Évora comemorou 10 anos de existência

Regional 05 Dez. 2020

A Cátedra Energias Renováveis da Universidade de Évora (CER-UÉ) comemorou no mês de novembro, dez anos de existência desde a sua constituição em 2010, completando a primeira década de contributos para a transição energética.

Criada em 2010, a CER-UÉ tem por missão o desenvolvimento de soluções tecnológicas e aplicações de energia solar para a descarbonização de diversos setores da economia. A atividade de investigação encontra-se focada na energia solar fotovoltaica e energia solar térmica, armazenamento de energia térmica ou elétrica, fornecimento de energia solar para a indústria e agricultura, e estratégias de integração de recursos solares e sistemas de energia, para além da geração de eletricidade termossolar.

A CER-UÉ encontra-se envolvida no desenvolvimento de diferentes concentradores solares, com utilização de conceitos de ótica não formadora de imagem, área em que detém competências específicas e experiência, aplicados a concentradores lineares do tipo Fresnel, a concentradores pontuais que exploram conceitos como beam down e a concentradores parabólicos compostos de tipo estacionário ou quase-estacionário para aplicações de temperatura média. Estas atividades de investigação em energia solar de concentração inserem-se no âmbito de atuação da Infraestrutura Nacional de Investigação em Energia Solar de Concentração (INIESC), que é coordenada pela CER-UÉ, em parceria com o Laboratório Nacional de Energia e Geologia, IP (LNEG), e que integra o Roteiro Nacional de Infraestruturas de Investigação (RNIE).

No domínio laboratorial, a CER-UÉ dispõe de um conjunto de infraestruturas experimentais de investigação no setor da energia solar, como a Évora Molten Salt Platform (EMSP), a Plataforma de Ensaios de Concentradores Solares (PECS), a Microrrede de Ensaio de Sistemas Fotovoltaicos e de Armazenamento de Energia Elétrica (PV*EES), o Laboratório de Desenvolvimento e Prototipagem de Tecnologia Solar e de Armazenamento de Energia (SoLab) ou a Rede de Monitorização DNI.

Uma equipa multidisciplinar, com formação e competências em áreas diversas, permite desenvolver investigação em áreas como o ensaio de coletores solares para a geração de calor de processo industrial, manutenção e otimização de sistemas fotovoltaicos, com aplicação de técnicas de reparação de módulos, sistemas de armazenamento e aplicações diferenciadas, promoção de atividades de tratamento de água, atividades de capacitação e cooperação, e participação em redes de cooperação internacionais entre infraestruturas de investigação.

Na atualidade, a CER-UÉ participa em 13 projetos de investigação, como instituição de investigação única ou como membro de consórcios transnacionais, em aplicação no território nacional, sobretudo no Alentejo, mas também na Europa e Norte de África.

Links:

https://www.catedraer.uevora.pt/sobre/iniesc

https://www.fct.pt/apoios/equipamento/roteiro/index.phtml.pt

https://www.catedraer.uevora.pt/infraestruturas/emsp

https://www.catedraer.uevora.pt/infraestruturas/pecs

https://www.catedraer.uevora.pt/infraestruturas/microrrede_pv

https://www.catedraer.uevora.pt/infraestruturas/solab

https://www.catedraer.uevora.pt/infraestruturas/rede_DNI

https://www.catedraer.uevora.pt/investigacao/projetos_atuais

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Janeiro 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31