Ferreira do Alentejo

Cavalos apreendidos em Aljustrel e Ferreira do Alentejo continuam no mesmo local, sem alimento e subnutridos. Já existem animais mortos no local

Cavalos apreendidos em Aljustrel e Ferreira do Alentejo continuam no mesmo local, sem alimento e subnutridos. Já existem animais mortos no local DR / CM
Regional 15 Nov. 2019

Após a fiscalização da GNR, que culminou na apreensão de mais de 100 cavalos em duas explorações pecuárias, nos concelho de Aljustrel e Ferreira do Alentejo, os animais continuam no mesmo sítio, estando o alimento a escassear.

Segundo avança o CM, os animais encontram-se no mesmo local e encontram-se subnutridos, existindo já alguns mortos.

Adianta ainda a mesma fonte, que os animais estãoa morrer à fome, uma semana após a fiscalização.

Lembramos que o Comando Territorial de Beja, através do Núcleo de Protecção Ambiental de Aljustrel, no dia 6 de novembro, apreendeu 104 cavalos durante uma fiscalização a duas explorações pecuárias, nos concelhos de Aljustrel e Ferreira do Alentejo.

A acção, efectuada na sequência de uma denúncia efectuada através da linha SOS Ambiente e Território, permitiu fiscalizar 115 equídeos, dos quais 104 foram apreendidos por falta de identificação e de condições de salubridade. No seguimento da fiscalização foi ainda detectada uma infracção por falta de registo de exploração pecuária e levantados os autos de contra-ordenação por falta de identificação de equídeos e de bem-estar animal.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Dezembro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31