Vila Vicosa

Dia da Espiga no Alentejo: “Este ramo vai substituir o anterior para dar sorte” (c/som)

Regional 21 maio 2020

Hoje é Dia da Espiga e quinta feira da Ascenção, um dia importante para os católicos, sendo feriado municipal em muitos concelhos de Portugal.

Segundo a tradição, as pessoas iam para o campo para apanhar a espiga. Depois, faziam um ramo que incluía, além desta, flores silvestres como papoilas ou malmequeres e um ramo de oliveira.

O grande símbolo do Dia da Espiga é o Ramo da Espiga. Tradicionalmente este é colocado em casa, atrás da porta principal, e fica lá todo o ano. Isto até ser substituído no ano seguinte por um novo ramo. É tido no seu todo como um símbolo de prosperidade, e ao mesmo de sorte.

No Alentejo é um dia muito celebrado e a RC falou com Fátima Leitão, que andava a apanhar flores para o seu ramo que contou que esta é uma tradição que já tem há muitos anos.

No dia de hoje, com as suas amigas, foi apanhar “o malmequer amarelo, a papoila, a videira, a oliveira, o alecrim e o trigo que não havia, mas apanhámos outro a imitar”.

Fátima Leitão, explica ainda que “o trigo é o pão, a videira é o vinho e a oliveira é o azeite e depois as tradicionais flores do campo, como o malmequer e a papoila”.

O ramo já completo irá agora ser “pendurado na varanda para secar e depois vai substituir o que agora lá está, o velhinho sai e fica lá o novo”.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Julho 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31