04 Jul. 2022
Augusta Serrano;
Firmamento da Noite
22:00-04:00

Vidigueira

“Em alto e bom som”: Quinteto de Metais Alentejano em concerto especial na Vidigueira!

Regional 06 maio 2022

O Quinteto de Metais Alentejano, ensemble que une músicos do Baixo e do Alto Alentejo, tem vindo a ganhar protagonismo no panorama artístico nacional, é convidado do Festival Terras sem Sombra numa iniciativa do projecto “Onde a Vida Acontece”.

O objetivo é dar a conhecer a grande música para metais, da época barroca à vanguarda europeia e norte-americana. Após uma manhã de actividades lúdicodidácticas em torno da técnica milenar da produção do vinho de talha, a Vidigueira acolhe um concerto que promete excelência artística e muitas emoções, numa sexta-feira, dia 13, às 21h30.

O palco é um espaço inédito, o histórico Mercado Municipal da vila, que se revela uma agradável surpresa primaveril. Arte, História, Tradições, Ciência, Inovação, Natureza e Música: há de tudo um pouco disto nas actividades (de acesso livre) que o projecto “Onde a Vida Acontece” promove na sexta-feira, 13 de Maio, no concelho de Vidigueira.

Durante o período da manhã estão programadas duas actividades em torno do vinho de talha, um processo de vinificação desenvolvido pelos romanos que tem neste território extensos pergaminhos e, no seu município, um dos mais empenhados defensores.

Neste âmbito, encontra-se a decorrer a candidatura do Vinho de Talha à classificação como Património Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO, uma forma de promover e salvaguardar a herança cultural e patrimonial ligada ao processo de vinificação artesanal do vinho de talha – incluindo as adegas, talhas, utensílios e artefactos.

Também junto dos mais novos se faz a sensibilização para este património, procurando garantir a transmissão de conhecimentos e experiências entre mais velhos e mais novos. Assim, em Vila de Frades (Espaço Gerações da Talha, às 9h30), tem lugar “Segredos do Barro: Oficina de Construção de Talhas”, actividade que ensina como se faz uma talha, isto é, as vasilhas de barro ou ânforas onde acontece a fermentação do vinho. Votadas ao abandono durante décadas, em que serviram quase exclusivamente para decoração, as talhas voltam a estar em destaque com o renascer do interesse pelo vinho de talha.

Pela mesma hora, em Vidigueira, na Adega Cooperativa desta localidade, o convite é para participar “Na Morada de Baco: O Vinho – Da Uva ao Copo”, actividade onde, entre outros segredos guardados a recato, se desvendam os processos físico-químicos que transformam as uvas em vinho, sob a orientação do enólogo Vasco Moura Fernandes e da designer Ana Coutinho. À noite, no Mercado Municipal de Vidigueira, a sugestão é o concerto “Em Alto e Bom Som: Música para Uma Noite de Sexta-Feira”, pelo Quinteto de Metais Alentejano.

Do programa fazem parte peças de compositores como Edvard Grieg, Paul Dukas ou Daniel Speer e, em ambiente de festa, não vão faltar também os ritmos do tango, pasodoble ou valsa, escritos por alguns dos seus mais brilhantes criadores. O facto de 13 de Maio, um dia sem dúvida especial, coincidir com uma sexta-feira, oferece também o pretexto para se revisitarem as superstições e tradições alusivas a este facto e dar a conhecer, em ambiente familiar, um repertório geralmente pouco escutado entre nós.

O Quinteto de Metais Alentejano é um agrupamento de jovens músicos que partilham a paixão pela música e pelo Alentejo. Nascido em 2016, afirma-se pelas performances de cariz didáctico que realiza, com concertos para todas as idades. Tem como principal objectivo atrair novos públicos à música de câmara erudita, levando até eles uma variedade de temas conhecidos e composições escritas para este tipo de agrupamento. O concerto insere-se na programação “Onde a Vida Acontece”, projeto cofinanciado pelo Alentejo 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER.

Foto: facebook Quinteto

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Julho 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31