Imprimir esta página

Evora

Enfermeiro do Hospital de Évora após dois dias suspende greve de fome

Regional 22 Fev. 2019

O presidente do Sindicato Democrático dos Enfermeiros de Portugal (Sindepor) e enfermeiro no Hospital de Évora decidiu suspender a greve de fome que leva a cabo desde quarta-feira, 20 de fevereiro. 

O protesto de Carlos Ramalho chegou ao fim depois do Governo ter anunciado que as negociações com os enfermeiros seriam retomadas nos primeiros dias de março. 

Recorde-se que, tal como noticiado pela RC, foi a forma encontrada pelo sindicalista para se protestar, na sequência da tomada de posição da Procuradoria-Geral da República que considera ilícita a greve dos enfermeiros nos blocos operatórios.   

(Foto: Lusa)