04 Jul. 2020
Augusta Serrano;
Fadistices
20:00-21:00

Terena

“Hoje é um dia muito feliz porque já temos o trabalho feito e aprovado e a obra vai começar em breve” refere diretora regional de Cultura do Alentejo (c/som)

Regional 01 Jun. 2020

Na manhã de hoje foi assinado o protocolo de colaboração para a realização da obra de Restauro e Conservação do Santuário de Nossa Senhora da Boa Nova, em Terena, concelho de Alandroal, entre a Câmara Municipal de Alandroal, a Direção Regional de Cultura do Alentejo, a Confraria de Nossa Senhora da Boa Nova e a Paróquia de S. Pedro – Terena.

A diretora regional de Cultura do Alentejo, Ana Paula Amendoeira, explica que, apesar do país ter parado parcialmente devido ao estado de emergência, nunca se parou de trabalhar e a “prova disso é podermos estar hoje aqui a assinar este protocolo”.

“Houve muito trabalho para trás nesta fase em que parecia que o país estava parado, mas muitos continuámos a trabalhar e não parámos e a prova disso é que hoje temos já o projeto feito pela Direção Regional de Cultura do Alentejo para esta primeira fase de recuperação aprovado e tudo acordado com a câmara” de Alandroal, explica a diretora.

O município de Alandroal e Direção Regional de Cultura do Alentejo, estiveram sempre a “trabalhar em conjunto para conseguirmos resolver este caso de um monumento tão importante e com problemas de conservação que precisa de envolvimento das entidades públicas para se ultrapassar e a câmara tem estado sempre empenhada na execução e em assegurar os meios financeiros para que este obra possa arrancar e é por isso que vai acontecer e terá todo o apoio e fiscalização e acompanhamento técnico da DRCA”.

A obra terá três fases de intervenção, como a RC já noticiou. “A primeira é a intervenção na arquitetura, depois a intervenção no património integrado e uma terceira fase que será a requalificação do espaço exterior”, explica Ana Paula Amendoeira.

A requalificação do espaço exterior do Santuário é importante, pois “também ele próprio é patrimonial”. Como tal, “a ermida faz com que a zona envolvente seja um valor patrimonial que temos também que assegurar, nomeadamente sistemas de vistas, edifícios que não se podem construir aqui para não haver impacto negativo. Estamos a falar de um dos mais importantes santuários marianos do sul, com uma história de séculos. A Nossa Senhora da Boa Nova de Terena é um dos sítios mais importantes, tem uma ancestralidade que merece que todos estejamos preocupados. Hoje é um dia muito feliz porque já temos o trabalho feito e aprovado e a obra vai começar em breve”, enaltece.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Julho 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31