Radio Campanario

Alentejo

Evora

Iniciativa de filmes ao ar livre regressa a Évora

Regional Escrito por  04 Jul. 2022

A iniciativa “Cinema Paraíso” volta a Évora a 9 de julho. Será palco do evento o O Jardim Tardoz do Centro de Arte e Cultura (CAC) da Fundação Eugénio de Almeida (FEA), que se transformará numa sala de cinema ao ar livre.

Será iniciada este ano a terceira edição do “Cinema Paraíso”, que tem entrada gratuita e prolongar-se-á até agosto.

As sessões serão de filmes mudos, mas com acompanhamento musical, pois segundo os promotores do evento, nos anos 20 “o cinema não era de facto mudo”, já que “as projeções eram acompanhadas por música executada ao vivo”.

O cine-concerto arranca às 21h30 com músicos a interpretarem ao vivo a banda sonora musical “criada, ou improvisada, para cada filme, dando à exibição cinematográfica um certo tom de arqueologia”

A curadoria do evento fica a cargo de José Alberto Ferreira, diretor do CAC.

A primeira sessão terá três curtas cómicas,  Cops (1922), Playhouse (1921), One Week (1920), que“representam um dos períodos mais profícuos da carreira de Buster Keaton”. Estes serão musicados por Gonçalo Parreirão e Ricardo Brito.

Na semana seguinte, a 16 de julho, é exibido “A Dança dos Paroxismos” (1929), de Jorge Brum do Canto. No dia 23, com Charlie Mancini a fazer música para “O Homem Mosca” (1923), um dos clássicos de comédia do período mudo norte-americano.

O “Cinema Paraíso” terá sessões durante os sábados, iniciando às às 21h30, no Jardim Tardoz do Centro de Arte e Cultura. São 60 lugares disponibilizados para assistir aos filmes e são ocupados por ordem de chegada.

Fonte: Renascença

Foto: FEA

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Agosto 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31