Imprimir esta página

Alentejo

IPDJ apoia “requalificação das instalações desportivas” de clubes alentejanos com “cerca de 136 mil euros”, diz Miguel Rasquinho (c/som)

Regional 06 Nov. 2018

Projetos de 14 clubes desportivos da região Alentejo (Portalegre, Évora e Beja) vão ser apoiados com “cerca de 136 mil euros”, no âmbito do PRID 2018 (Programa de reabilitação de Instalações Desportivas) do IPDJ (Instituto Português do Desporto e da Juventude), avança à RC, Miguel Rasquinho, presidente do IPDJ Alentejo.

Estes direcionam-se para a “requalificação e recuperação das instalações desportivas”, permitindo aos clubes “fazerem obras que há muito estavam à espera”, indo estas desde a “recuperação de balneários” a “instalação de relvados sintéticos”.

O PRID proporciona uma comparticipação “até 50% do valor elegível da obra, até ao valor máximo de 50 mil euros”, explica o dirigente, afirmando que contrariamente a financiar um projeto na sua totalidade, este método permite chegar “número máximo de clubes”.

Tendo sido iniciado em 2017, o programa tem sido recebido com entusiasmo pelos clubes, aponta, avançando existirem alguns já com candidaturas elaboradas para a edição de 2019 do PRID. O programa contou na edição de 2017, com uma dotação nacional de 1 milhão de euros, na presente de 1 milhão e meio de euros, esperando-se que esse valor volte a registar uma subida em 2019.

“Há mais de 10 anos que o IPDJ não tinha um programa que apoiasse a reabilitação das instalações destes clubes”

 

Miguel Rasquinho afirma que todos os projetos, independentemente do seu valor, são importantes, na medida em que “permitem a prática desportiva dos jovens dos nossos concelhos”, procurando proporcionar-lhes as “melhores condições possíveis”.

O programa direciona-se para o “apoio aos clubes de base local […] que pretende acima de tudo apoiar os clubes mais pequenos e que estão mais próximos das pessoas”, sendo que entre as candidaturas que vão ser apoiadas, se encontram clubes de vários pontos da região, direcionados para as mais variadas modalidades desportivas.

Segundo publicação em Diário da República vão ser apoiados, por exemplo, o Juventude Sport Clube de Évora, com 14 mil euros para a substituição/renovação do piso; o Eléctrico Futebol Clube de Ponte de Sor, com 20.500 euros para substituição do relvado sintético do campo multiusos de Ponte de Sor; o Clube Elvense de Natação, com 16.560 euros para beneficiação e renovação do cais envolvente às cubas; o Centro de Cultura e Desporto do Bairro Nossa Senhora da Conceição, em Beja, com 8.500 euros para remodelação e reparação de infraestruturas desportivas de futebol; ou o Clube de Ténis de Évora, com 4 mil euros de apoio para a remodelação da iluminação dos campos e substituição do sistema de água quente.