×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 64

baixo alentejo

Linaria dos Olivais, endémica do Baixo Alentejo, é uma das plantas em risco de extinção em Portugal

Linaria dos Olivais, endémica do Baixo Alentejo, é uma das plantas em risco de extinção em Portugal Foto: Flora-on.pt/ Sérgio Chozas
Regional Escrito por  14 Out. 2020

Portugal continental tem 110 espécies de plantas endémicas, que não existem noutro lugar do planeta, mas 53 estão ameaçadas de extinção, segundo a Lista Vermelha da Flora Vascular de Portugal Continental, que foi apresentada no dia 13 de outubro, em Lisboa.

De acordo com a investigação, iniciada em 2016, concluiu que das 626 espécies avaliadas, 381 (60%) estão ameaçadas de extinção e 19 já se extinguiram nas últimas décadas.

Em declarações ao Correio da Manhã (CM), André Carapeto, coordenador do projeto, da responsabilidade da Sociedade Portuguesa de Botânica e da Associação Portuguesa de Ciência da Vegetação, em parceria com o ICNF, avisou que “cada caso é um caso, mas o desaparecimento dos habitats é uma ameaça comum a quase todas. A perda da biodiversidade não é um problema só da Amazónia. Está a acontecer em Portugal”.

Uma das espécies em risco é a Linaria dos Olivais, endémica do Baixo Alentejo e típica dos seus sistemas agrícolas tradicionais. “O aparecimento de culturas intensivas na região colocou-a sob enorme pressão. É um caso paradigmático porque é uma espécie protegida pela lei europeia, mas não há medidas para a conservação do seu habitat”, esclarece o investigador.

O biólogo frisou ao CM que a Lista Vermelha pretende “dar informação às autoridades responsáveis pela gestão do território, para que possam tomar medidas para preservar a biodiversidade”.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Julho 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31