Imprimir esta página

Estremoz

Luís Mourinha absolivo pelo Tribunal de Estremoz da acusação de peculato de uso

Regional 10 Jul. 2019

O Tribunal absolveu esta quarta-feira, 10 de julho, o ex-autarca de Estremoz Luís Mourinha que estava acusado pelo Ministério Público de dois crimes de peculato de uso. Em causa estão  "duas viagens de lazer e em proveito próprio, em viatura do município, ao Estádio da Luz, em Lisboa", para assistir a dois jogos do Benfica.

Na sentença proferida lida pelo Tribunal de Estremoz esta quarta-feira, o coletivo de juízes considerou válidos os fundamentos invocados pelo arguido, que justificaram o uso do veículo municipal nas datas em que lhe estavam imputados comportamentos de peculato de uso.

O advogado do antigo autarca, Miguel Raimundo, afirmou à Lusa que se fez justiça com o tribunal a "dar provimento às justificações apresentadas pelo arguido".

O ex-autarca de Estremoz Luís Mourinha, eleito pelo Movimento Independente por Estremoz (MiETZ), estava acusado de, em 2013 e 2014, ter efetuado "duas viagens de lazer e em proveito próprio, em viatura do município, ao Estádio da Luz, em Lisboa"