Beja

Ministra da Coesão Territorial reitera a necessidade de aproveitar o Aeroporto de Beja

Regional 20 Set. 2020

De acordo com a noticia avançada pelo Jornal de Negócios, a ministra da Coesão Territorial, em entrevista à Antena 1 e o Jornal de Negócios, reiterou que é necessário aproveitar o aeroporto de Beja, mas afasta a hipótese de esta base aérea poder substituir a construção do novo aeroporto para a região de Lisboa.

Ana Abrunhosa assegura ainda concordar que exista uma ligação ferroviária a todas as capitais de distrito, conforme previsto no plano de recuperação económica elaborado por António Costa e Silva.

O país não pode ter um equipamento como o aeroporto de Beja sem o valorizar. Não concordo que possa substituir um aeroporto nacional. O que precisarmos é de ter um bom aeroporto nacional. Portanto, o de Beja nunca deixará de ser regional e não perde importância por isso. Estamos a falar de uma região extraordinária, com um potencial extraordinário, em que esta infraestrutura que não está totalmente aproveitada, como foi prometido aos alentejanos durante anos”, refere a governante.

A ministra revela ainda, na mesma entrevista à rádio e ao jornal de economia, que o Governo quintuplicou a dotação destinada a projetos de produtos e serviços para o combate à Covid-19, tendo sido aprovados 637 projetos que correspondem a 174 milhões de euros – ou seja, uma verba cinco vezes mais alta do que o previsto inicialmente.

Ana Abrunhosa falou ainda nos descontos nas ex-SCUT do interior do país, não querendo avançar com uma data para o início, depois de ter dito no parlamento que medida entraria em vigor no terceiro trimestre deste ano. “Está a ser finalizada e oportunamente será comunicada”, garante.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31