Grandola

Município de Grândola vai reabilitar edifício dos antigos Paços do Concelho

Município de Grândola vai reabilitar edifício dos antigos Paços do Concelho Foto: Município de Grândola
Regional 16 Jun. 2020

O Município de Grândola anunciou que vai avançar com uma obra de reabilitação dos antigos Paços do Concelho.

De acordo com a informação disponibilizada, “apesar de algumas intervenções de manutenção realizadas nos últimos anos, o edifício continua a apresentar patologias que necessitam de uma reabilitação mais profunda para que possa ser utilizado em pleno”.

A proposta de intervenção prevê a substituição da telha de cobertura com a revisão de drenagens e execução de isolamentos mantendo a configuração atual, a substituição do vigamento da estrutura de suporte do soalho do piso superior e do soalho em si, a substituição do revestimento de alguns dos pavimentos do piso térreo e a execução de novas instalações sanitárias e respetivas redes de abastecimento de água e drenagem de águas residuais, assim como a revisão da instalação elétrica e infraestruturas de telecomunicações. A nível das fachadas não se preveem alterações, apenas a sua manutenção e conservação, com a substituição de todas as caixilharias, o tratamento e recuperação de algumas cantarias partidas e recuperação dos gradeamentos de ferro das janelas de sacada do piso superior.

O edifício irá albergar serviços municipais, pelo que serão necessários espaços de trabalho e salas polivalentes que poderão acolher exposições, reuniões, ações de formação, etc. Nesse sentido, a organização espacial no piso térreo mantém, na generalidade a configuração atual, sendo apenas introduzidas novas instalações sanitárias o que leva à reformulação da área poente, e a instalação de escadas e de uma plataforma elevatória para acesso ao piso superior numa das antigas celas, a nascente. No primeiro piso são criadas, igualmente, novas instalações sanitárias. A compartimentação será executada em paredes leves de forma a permitir uma melhor utilização do espaço e eventual reconfiguração. O piso térreo apresenta várias cotas de pavimento, que por receio de interferência com as fundações se optou por não nivelar. Assim, a questão da acessibilidade será resolvida pela ligação de todas as salas através de rampas. Assumiu-se, desta forma, dois acessos distintos ao edifício – um através da Praça D. Jorge e outro na Rua Mouzinho da Silveira – que, embora já existissem, não eram utilizados com frequência e também não davam resposta a essas questões.

O edifício dos antigos Paços do Concelho do século XVIII é uma construção com dois pisos onde funcionavam, no piso nobre (superior) os serviços da câmara e a sala de audiências do tribunal, ficando o piso inferior reservado à cadeia e alojamentos dos funcionários destes serviços.

A obra foi adjudicada à empresa Anteros Empreitadas – Sociedade de Construção S.A. por 471.415,82€ + IVA

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Setembro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30