Alqueva

Museu da Luz e Centro de Interpretação de Alqueva reabrem ao público esta terça-feira. EDIA regressa à "normalidade possível"

Regional 18 maio 2020

Terminada a primeira fase do período de desconfinamento, a EDIA decidiu reabrir alguns serviços ao público a partir de amanhã, dia 19 de maio.

Cumprindo as regras de distanciamento social e proteção individual recomendadas pela Direção Geral da Saúde, os espaços do Museu da Luz e do Centro de Interpretação de Alqueva, CIAL, abrem as suas portas ao público esta terça feira.

O uso de máscara será obrigatório para todos os visitantes, bem como a desinfeção das mãos antes da entrada, quer no Museu, quer no CIAL, onde será cumprido o distanciamento social bem como o respeito pela etiqueta respiratória.

O Museu da Luz poderá receber 12 visitantes em simultâneo e o Centro de Interpretação de Alqueva 5.

O atendimento ao balcão será feito a uma pessoa de cada vez e é solicitado aos visitantes que não toquem nas peças expostas e respeitem as orientações das colaboradoras no local.

À semelhança do Museu da Luz e do CIAL, também as instalações da EDIA de apoio ao cliente nos diversos perímetros de rega de Alqueva, poderão atender presencialmente os agricultores.

Neste caso o atendimento personalizado far-se-á apenas a um cliente de cada vez, será obrigatório o uso de máscara e desinfeção das mãos, respeitando-se igualmente as distâncias de segurança bem como a etiqueta respiratória. Neste caso aconselha-se um contacto prévio com os colaboradores de serviço em cada edifício de apoio (Serpa; Beringel; Monte Novo e Cuba).

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Setembro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30