baixo alentejo

Novo crematório de Faro custa 1.1M € e irá servir o Alentejo

Regional 17 Out. 2019

As obras de execução do Crematório de Faro já arrancaram e estima-se que em 10 meses esta infraestrutura que irá servir uma parte do Alentejo, já se encontre em funcionamento.

O projeto, que já teve bastantes avanços e recuos ao longo da última década, vai finalmente avançar. O anúncio foi feito pela autarquia farense durante uma das visitas inerente ao Projeto Faro Positivo, iniciativa que dá a conhecer as obras que estão a decorrer no concelho e os projetos vindouros.

A obra do crematório vai custar 1,1 milhões de euros, tendo ficado a cargo da empresa Servilusa.

O crematório de Faro vai contemplar dois fornos, um para cremações fúnebres e um forno pirolítico, que vai permitir a destruição de resíduos remanescentes dos funerais, tais como, flores e restos de urnas.

O crematório, construído no Cemitério Novo de Faro, terá uma capela ecuménica, uma sala de espera, uma zona de preparação dos corpos e uma sala de última despedida.

De referir que o Crematório de Faro irá também servir algumas populações do Baixo Alentejo, nomeadamente as que se encontram perto da fronteira com o Algarve.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Novembro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30