Alentejo

O Alentejo é a região do país com menos pediatras e são clínicos gerais que garantem a urgência de pediatria aberta

Regional 13 Dez. 2019

O Alentejo é a região do país com menos pediatras e são clínicos gerais que maioritariamente mantém a urgência de pediatria aberta

Segundo dados do ministério da saúde são 38 os pediatras que existem no Alentejo, sendo que já foram gastos mais de 800 mil euros em tarefeiros para pediatria.

Existem 89315 crianças no Alentejo com idade até aos 14 anos, sendo 38 o número de pediatras na região segundo o relatório social do Ministério da Saúde e do Serviço Nacional de Saúde em 2018, verifica-se que este é um número bastante reduzido de profissionais para atender as necessidades que existem.

Estes pediatras têm geralmente idade avançada e não podem fazer serviço de urgência, estando também dispersos por quatro hospitais, Portalegre, Évora, Beja e Santiago do Cacém.

Em três destes hospitais é necessário a duplicação de pediatras por fazerem trabalho suplementar no apoio aos partos e exigir simultaneamente amplas e variadas competências com necessidades de diferenciação em especial no hospital de Évora que tem mais valências e ocupa uma região mais central.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Agosto 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31