Evora

Parlamento recomenda ao Governo obras “urgentes” na Escola Secundária André de Gouveia em Évora

Escola Secundária André de Gouveia, em Évora, foi construída em 1978 e tem atualmente 640 alunos Escola Secundária André de Gouveia, em Évora, foi construída em 1978 e tem atualmente 640 alunos Direitos Reservados
Regional 03 Jul. 2019

A Assembleia da República recomenda ao Governo “a realização urgente de obras na Escola Secundária André de Gouveia, em Évora”, pode ler-se no documento publicado esta quarta-feira, 3 de julho, em Diário da República.

Segundo o diploma hoje publicado, os parlamentares aprovaram “recomendar ao Governo que adote medidas que permitam a realização de obras na Escola Secundária André de Gouveia (ESAG)”.

Na mesma Resolução da Assembleia da República, os deputados aconselham o Governo a tomar medidas como “a elaboração do projeto de execução da obra necessária à requalificação da ESAG, abrangendo os problemas já identificados pela direção do agrupamento de escolas; os meios financeiros necessários à execução das obras de requalificação da escola, incluindo a possibilidade de recurso a financiamento comunitário para o efeito; o caráter de urgência do processo com vista à sua concretização no mais curto espaço de tempo; e a remoção de todo o fibrocimento existente na sua construção”.

Recorde-se que, tal como noticiado pela Campanário, a autarquia, alunos, docentes e encarregados de educação já se manifestaram diversas vezes devido à falta de funcionários e falta de condições do espaço educativo.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Dezembro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31