Badajoz

Português detido em Badajoz 15 anos após condenação por abuso sexual de menor

Publicado em Regional 01 março, 2019

Um homem de nacionalidade portuguesa foi detido em Badajoz pela Guarda Civil espanhola 15 anos depois de ter escapado à prisão em Portugal por abuso sexual a uma menor. 

De acordo com a notícia avançada pela Agencia EFE, indivíduo encontrava-se em território espanhol com uma identidade fictícia, e foi a tentativa de trocar a sua carta de condução portuguesa por uma espanhola com documentação falsa que permitiu aos agentes descobrir que era procurado pela Justiça lusa, informou esta sexta-feira a Guarda Civil. 

O agora detido encontrava-se foragido de Portugal desde 2002, um ano no qual as autoridades portuguesas emitiram uma Ordem Europeia de Detenção e Entrega contra si por uma condenação de prisão por um suposto abuso sexual a uma menor. 

A Guarda Civil obteve em janeiro informação da suposta ação fraudulenta de uma pessoa de nacionalidade portuguesa que residia em Badajoz ao pretender trocar a sua carta de condução por uma espanhola graças ao acordo assinado entre ambos países, noticia a EFE. 

Em parceria com as autoridades portuguesas, a Guarda Civil pôde determinar que o homem vivia em Badajoz há 15 anos sob uma identidade fictícia, tendo utilizado diferentes documentos oficiais e privados falsos. 

Depois de ser detido no último dia 18 de fevereiro por estes fatos, as impressões digitais e fotográficas permitiram testemunhar além disso que o homem se encontrava foragido desde 2002 para eludir uma condenação de três anos e oito meses de prisão por abuso sexual a uma menor. 

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Junho 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30