22 Jan. 2022
Augusta Serrano;
Fadistices
20:00-21:00

Produtor alentejano Terramay com o Chef Dieter Koschina na Suíça!

Regional 28 Nov. 2021

Os produtos 100% biológicos do produtor Terramay, localizado no Alandroal (Alentejo), são as hortícolas e carne selecionados pelo renomado chef Dieter Koschina, que realiza uma série de jantares em Zurique, celebrando e valorizando o produto nacional, conta o "Sul Informação".

O evento decorrerá no restaurante Kiosk, nas margens do lago de Zurique, entre os dias 2 e 5 e 9 e 12 de dezembro, e envolverá cerca de 300 refeições, celebrando produtos portugueses (como, por exemplo, a vaca Mertolenga, o porco Pata Negra) pelo chef austríaco que, durante 13 anos, foi o único chef em Portugal a preservar as duas estrelas Michelin para o Vila Joya, no Algarve (e que mantém desde 1999).

O jantar é acompanhado por um produtor vínico da região, a Herdade do Arrepiado Velho.

A auto-sustentável e totalmente biológica produção animal e agrícola Terramay é um projeto de agricultura regenerativa, que assenta no respeito pela terra e pelo solo, de forma a produzir alimentos densos em nutrientes e de origem nacional sem desrespeitar o meio ambiente e os animais.

O casal David de Brito, português, e Anna de Brito, alemã, mudaram-se de Berlim com os seus dois filhos para o Alandroal (onde nasceu o seu terceiro filho) para, em conjunto com Thomas Sterchi, sócio e amigo de longa data, se dedicarem por completo a este projeto, localizado nas margens do Alqueva, onde o montado, hortas biológicas, pastagens e terras aráveis, em conjunto com a alimentação selecionada e cuidada de todos os animais, se tornam a verdadeira materialização do “farm-to-table”.

Esta quinta de 560 hectares conta com bovinos de raça Mertolenga, porcos de bolota Pata Negra, cabras, ovelhas Merino, patos, cavalos e mais de 300 aves, e diferencia-se pela sustentabilidade, a neutralidade carbónica e a preocupação com a regeneração dos ecossistemas e adaptação da vida selvagem aos habitats em mudança.

“Os nossos produtos diferenciam-se por serem biológicos, não utilizamos sementes manipuladas geneticamente, tratamentos preventivos nem adubos que não sejam naturais, e a alimentação dos nossos animais é totalmente produzida por nós. A nossa preocupação é produzir um alimento saudável, seguro, e com o seu sabor mais genuíno.”, explica David de Brito, co-fundador da Terramay.

“Desenvolver um projeto deste âmbito no Alentejo tem também a missão de combater a desertificação, dinamizar a comunidade local, com quem queremos estar em permanente união, e o projeto turístico que estamos a conceber será um forte impulsionador económico para a região”, reforça Anna de Brito, co-fundadora.

Este projeto vai, inclusive, mais além, defendendo que pratica um conceito “soil to soul”, consciencializando para a importância fulcral dos solos relativamente ao clima, saúde humana e animal e qualidade de vida como um todo, baseando a origem e qualidade do produto, os seus fatores-chave, nos seus terrenos férteis e saudáveis, que são literalmente a base da sua existência e possibilitam todo o ciclo.

Para tal, investem fortemente em conhecimento e infraestruturas que permitam implementar totalmente os valores e princípios que defendem, tomando decisões agrícolas com a ajuda de sistemas de design e gestão testados, como a permacultura, a agricultura sintrópica e o maneio holístico, por exemplo.

Outra das preocupações dos fundadores é chegar a mais pessoas, e poderem partilhar este projeto com a comunidade, quer na equipa recrutada localmente quer no apoio a associações de solidariedade do concelho.

No âmbito desta vertente solidária, cedem cabazes sazonais, saudáveis, seguros e entregues sem intermediários, que incluem frutas, vegetais, ovos, carnes, compotas, entre outros, a associações locais e disponibilizam também a compra de cabazes a um preço acessível. Em negociações com parceiros para trazer os cabazes Terramay até Lisboa, neste momento são já distribuídos no Alentejo, num raio geográfico de proximidade.

“Os nossos produtos permitem um controlo real sobre a produção dos alimentos ingeridos, assumindo igualmente um papel ativo na luta por um Alentejo mais sustentável e por uma vida mais saudável.”, reforçam os fundadores da Terramay.

Dieter Koschina é o chef do restaurante Vila Jóia, em Albufeira, para o qual garantiu 2 estrelas Michelin.

In https://alentejo.sulinformacao.pt/

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Janeiro 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31