Evora

Projeto integrado pelo CIDEHUS de Évora capta financiamento através do HORIZONTE 2020!

Regional Escrito por  04 Jun. 2022

Ao abrigo do programa Horizonte Europa 2020, a Comissão Europeia, aprovou, por um período de 4 anos, o HYBRIDS - Hybrid Intelligence to monitor, promote and analyse transformations in good democracy practices, projeto integrado pelo Centro Interdisciplinar de História, Culturas e Sociedades (CIDEHUS) que coloca as novas ferramentas digitais ao serviço da informação e das boas práticas democráticas.

De acordo com a inflormação disponível na página oficial da Universidade de Évora, Boatos, fake news e discursos de ódio contra minorias vulneráveis têm aumentado nas redes sociais e causado desinformação, termo que define o conteúdo/prática que contribui para o aumento do fluxo de informação não validada, falsificada ou pouco clara, criada com o intuito de afastar os cidadãos do conhecimento factual da realidade.

Atendendo à facilidade e rapidez com que, atualmente, se divulga informação através da Internet, tem aumentado a preocupação com a disseminação de conteúdos não validados, que colocam em causa o debate livre e, consequentemente, fragilizam a estabilidade das sociedades democráticas.

O HYBRIDS procura, assim, contribuir para a deteção automática de desinformação através do processamento de linguagem natural e de novas técnicas de Inteligência Artificial (IA), nomeadamente no domínio do machine learning, que utiliza algoritmos para analisar dados, aprender com estes e tomar decisões informadas com base no que aprendeu, e do deep learning que estrutura algoritmos de modo a criar uma rede neural artificial, que pode aprender e tomar decisões autonomamente.

Liderado pela Universidad Santiago de Compostela, o HYBRIDS reúne, na sua equipa, investigadores de 9 instituições oriundas de Espanha, Portugal, Reino Unido, Itália, França e Holanda, tendo captado, recentemente, um financiamento total de mais de 2 milhões de €, dos quais 243 403,20€ estão afetos à equipa de investigação da Universidade de Évora. 

Na UÉ, o projeto será coordenado pela Investigadora do CIDEHUS, Renata Vieira, e pelo Professor Catedrático do Departamento de Informática, Paulo Quaresma, tendo em vista a capacitação dos investigadores com os conhecimentos necessários para conceber estratégias e ferramentas de resposta à desinformação com base numa análise profunda do discurso público.

O HYBRIDS pretende, assim através de um sistema híbrido de inteligência, que combina inteligência humana e máquina, superar as deficiências dos métodos de AI, em prol de uma tarefa complexa que requer um elevado grau de compreensão, inferência e raciocínio da linguagem.

Aliando as áreas tradicionalmente separadas, da engenharia informática, ciências sociais e linguística o HYBRIDS pretende criar metodologias que combatam a desinformação e contribuam para boas práticas democráticas na Europa e no mundo, fatores vitais sociedades e cidadãos livres com capacidade de construir as suas próprias opiniões com base em informação factual e fidedigna.

O Projeto HYBRIDS financiado pela União Europeia através do Programa de Investigação e Inovação HORIZONTE 2020, com o código 101073351, que pode consultar aqui.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Outubro 2022 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31