Evora

Projeto-piloto em Évora de voto eletrónico presencial vai custar mais de 1 milhão de euros

Regional 19 Dez. 2018

O projeto-piloto do voto eletrónico presencial nas Eleições Europeias de 2019, vai ser implementado no distrito de Évora, tendo já sido disponibilizada uma verba superior a 1 milhão de euros, para o efeito.

No total, o Ministério das Finanças, através de 3 portarias, dá autorização ao Ministério da Administração Interna para que sejam desembolsados 993,5 mil euros, montante a que se soma o IVA, num total que ascende aos 1,22 milhões.

Destes, 502 mil euros destinam-se ao contrato de prestação de serviços para desenvolvimento de aplicação de suporte aos cadernos eleitorais desmaterializados, nomeadamente na conceção de um sistema informático de suporte.

As duas outras portarias destinam-se à aquisição de 430 equipamentos de telecomunicações, num valor de 349 mil euros (mais IVA) e à compra de portáteis, num valor autorizado de 235 mil euros.

Em Portugal, o sistema de votação eletrónica já tinha sido utilizado nas Autárquicas de 1997 e de 2001, nas Autárquicas, tendo-se repetido o teste nas Europeias de 2004 e nas Legislativas de 2005.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30