Imprimir esta página

Alentejo

Saúde Pública investiga 50 casos de gastroenterite em festival no Alentejo

Regional 31 Ago. 2019

Cerca de 50 casos coincidentes com um quadro de gastroenterite em participantes num festival de música em Ponte de Sor, no distrito de Portalegre, estão a ser investigados pela Autoridade de Saúde Pública.

A delegada de saúde pública de Portalegre, Margarida Saudade e Silva, disse esta sexta-feira à agência Lusa que os doentes deram entrada no Centro de Saúde de Ponte de Sor, no decorrer do festival ZNA Gathering, não havendo registos de internamentos.

O festival de música teve início dia 19 deste mês e terminou na segunda-feira, nas imediações da barragem de Montargil.

"Neste momento está a ser feita a investigação epidemiológica da situação, para confirmar se se chega a uma conclusão da causa da gastroenterite", disse.

De acordo com a responsável, o número de dias em que decorreram os casos e pela "pouca intensidade" da situação, leva os profissionais de saúde a pensar que foi um vírus que poderá ter provocado esta situação.

"De qualquer forma ainda não temos uma certeza", sublinhou.

As autoridades de saúde aguardam agora o resultado de alguns exames laboratoriais, estando também a ser feita "alguma colheita de água" num poço existente naquela zona onde decorreu o festival.

A Lusa tentou contactar a organização do festival ZNA Gathering, mas as várias tentativas efetuadas revelaram-se infrutíferas.

O ZNA Gathering é um festival que diz ter por missão trazer "sentimentos e sons de um passado recente de volta à vida numa atmosfera muito amigável através de um acolhedor encontro".

O cartaz da edição deste ano reunia vários artistas cujas carreiras dentro da cena do trance psicadélico internacional começaram nos anos 1990, desde Juno Reactor a Astral Projection passando por Man With No Name, entre muitos outros.