Evora

Sindicato dos Trabalhadores do Comércio protestou em Évora contra criação de banco de horas no Pingo Doce

Regional 16 Jul. 2020

O Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal (CESP) realizou esta quarta-feira, dia 15 de julho, um protesto por todo o país junto a lojas do Pingo Doce, contra a criação de um banco de horas. O CESP realizou também a ação de protesto em Évora, na loja do Pingo Doce dos Álamos.

A ação consistiu na distribuição aos clientes de um panfleto do sindicato contra a criação de um banco de horas na empresa.

O CESP refere que “recebeu a comunicação das empresas Pingo Doce e JMR com o projeto e o regulamento para a realização do referendo para instituição do regime de banco de horas grupal, entre 16 de Julho e 3 de Agosto de 2020, em todo o país”, frisando que “o regime de banco de horas grupal viola a Constituição da República Portuguesa que consagra expressamente o direito á organização do trabalho em condições socialmente dignificantes deforma a facultar a realização pessoal e a permitir a conciliação da atividade profissional com a vida familiar”.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Agosto 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31