Evora

Tribunal de Évora não autoriza saída precária de Armando Vara

Regional 16 Jan. 2020

Armando Vara encontra-se a cumprir pena de cinco anos de prisão na cadeia de Évora por tráfico de influência, tendo requerido ao Tribunal de Execução de Penas (TEP) de Évora uma saída jurisdicional de curta duração, tendo sido negada.

O TEP considerou que seria prematuro permitir uma saída de curta duração a Armando Vara.

A defesa de Armando Vara discorda, considerando a decisão do TEP de vergonhosa e uma afronta, uma vez que considera a decisão não fundamentada.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Fevereiro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29