Vila Vicosa

Arcebispo de Évora dedica insígnia da Real Ordem de N. Sra da Conceição "a todos que trabalham na Igreja, desde os que limpam os altares até aos párocos" (c/som e fotos)

Reportagens 09 Dez. 2019

Inserido nas comemorações do dia da Imaculada Conceição, em Vila Viçosa, decorreu também a atribuição de insígnias por parte da Real Ordem de Nossa Senhora da Conceição.

A cerimónia contou com a presença de sua Excelência Reverendíssima o Sr. Arcebispo de Évora, D. Francisco Senra Coelho, do Duque de Bragança D. Duarte Pio, do Juiz da Régia Confraria de Nossa Senhora da Conceição, Fernando Pinto, do Reitor do Santuário de Vila Viçosa, Padre Francisco Couto e de vários membros de ambas as confrarias.

A Rádio Campanário marcou presença e falou com D. Francisco Senra Coelho, que começa por explicar que “faz 200 anos que foi criada a Real Ordem de Nossa Senhora da Conceição, por D. João VI, em louvor por Portugal ter recuperado a sua soberania depois das invasões francesas”.

Sua Excelência Reverendíssima lembra que “existe uma tradição muito grande que liga esta Ordem ao Santuário de Vila Viçosa, que se encontra no arcebispado de Évora”.

D. Francisco considera “uma homenagem na pessoa do Arcebispo para com a Arquidiocese”, acrescentando que “eu não receberia esta insígnia caso não fosse Arcebispo de Évora”.

“Dedico esta insígnia a todos na Arquidiocese de Évora”
D. Francisco Senra Coelho

A homenagem é “ao mesmo tempo uma homenagem a todo o povo desta Arquidiocese, a todos os que somos católicos que fazemos todos os dias esta igreja, desde os mais simples que cuidam de um altar, passando pelos catequistas, aos que trabalham na liturgia (…) aos párocos, a todos”

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Janeiro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31