Borba

Associação Dadores de Sangue da Orada celebrou 17 anos de “um trabalho exemplar”, diz presidente da FEPODABES (c/som e fotos)

Reportagens 21 maio 2018

A Associação de Dadores de Sangue Benévolos da Orada (Borba), comemorou no passado domingo, dia 20 de maio, o seu 17º aniversário.

Presente nas comemorações, Alberto Mota, presidente da Federação Portuguesa de Dadores de Sangue, declara à RC que “são 17 anos de muito trabalho”.

Esta associação “tem feito um trabalho exemplar”, aponta, e como resultado disso surge o aumento de dádivas registado no ano passado.

O trabalho desenvolvido pela associação “tem um peso muito significativo” uma vez que esta representa “muitos dadores aqui nesta zona do Alentejo”.

Relativamente à restituição da taxa moderada para os dadores de sangue, aponta que “já estamos a verificar a vinda de dadores que já não davam sangue há 2, 3 anos”. Não estando na autossuficiência, “não estamos a ter falha de sangue”, sendo necessárias 1000 doses por dia

Em declarações à RC, João Cuco, Associação Dadores de Sangue Benévolos da Orada (Borba), afirma que “são 17 anos de muita luta” e de trabalho diário para a associação.

“Ultimamente, a nossa faixa etária é dos 30 para cima”, aponta, sendo que o preferível se estabelece entre os 18 e os 65. “Os jovens não estão abertos” à dádiva de sangue “não sei porquê”, lamenta, apontando que “isto vai de início dos pais”.

Contando com 500 sócios, deste são 150 os dadores de sangue, havendo ainda dadores não registados na associação. Este número, “reduziu um pouco quando o nosso governo nos retirou a taxa moderadora”, “mas houve muitos que não entenderam assim”.

António Anselmo, presidente da Câmara Municipal de Borba, afirma à RC que a Associação de Dadores de Sangue da Orada tem desenvolvido “um trabalho meritório”, “para uma coisa que todos precisamos, mas lamentavelmente poucos damos”.

O autarca afirma que vê estes 17 anos “com alegria”, “a direção muito empenhada, e um trabalho muito bem feito”.

Felicita o trabalho da direção da associação, “em cativar, sensibilizar” os dadores de sangue, realçando o trabalho do presidente João Cuco, que desde que assumiu funções, que tem tido “um impacto de crescimento”.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Dezembro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31