22 abril, 2019
Augusta Serrano
Notícias
17:00-19:30

Elvas

Elvas teve “mais de 10 mil judeus” sublinha Nuno Mocinha na inauguração da Casa da História Judaica (c/som e fotos)

Publicado em Reportagens 04 setembro, 2017

No passado sábado, dia 2 de Setembro, foi inaugurado em Elvas a Casa da História Judaica, que se localiza nas antigas instalações do Açougue Municipal, na Rua dos Açougues.

Em declarações à Rádio Campanário, o presidente do município de Elvas, Nuno Mocinha, refere que Elvas “teve uma grande comunidade judaica”, sobre o qual sublinha que “chegaram a ser mais de 10 mil judeus que viveram na nossa cidade”, acrescentando que “com certeza, teriam o seu local de culto”.

Reconhecendo que “não existe a certeza absoluta” de que o espaço tivesse sido local de culto para esta religião, no entanto, Nuno Mocinha refere a intenção de “respeitar”, indicando que se pretende “relatar a passagem dos Judeus por Elvas, a sua marca e aquilo que eles foram para nós hoje em dia”.

“A recuperação deste espaço era essencial”, afirmou o autarca, acrescentando que “faz parte do conjunto classificado Património Mundial”, indicando que “houve o cuidado de respeitar todos os elementos arqueológicos e históricos”.

Segundo Nuno mocinha, “está concluída a primeira fase”, e no que diz respeito á segunda fase será “a musealização, e também a recuperação dos frescos” que considera “uma agradável surpresa”.

No que diz respeito ao investimento feito pelo município, o autarca elvense esclarece que o valor investido pela Câmara “é cerca de 200 mil euros”, em que o fundo norueguês “EEA Grants financiou cerca de 50% da obra”.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Abril 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30