20 Jun. 2021
Augusta Serrano;
Firmamento da Noite
22:00-04:00
×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 63
JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 68

Ministro destaca a “parceria decisiva com a Câmara” de Alandroal na inauguração do novo Posto da GNR (c/som e fotos)

Reportagens 27 Jul. 2018

Após 4 anos de obra e de um investimento de 500 mil euros, o novo Posto Territorial da GNR de Alandroal, no Largo de São Bento nº 16, ocupando o antigo Posto da Guarda Fiscal, foi hoje inaugurado, com a presença do Ministro da Administração interna, Eduardo Cabrita, que classificou a colaboração da autarquia como “decisiva” para a conclusão desta obra, cujo financiamento esteve a cargo do governo.

Nas suas declarações, após a cerimónia, Eduardo Cabrita referiu que “a segurança é essencial para a qualidade de vida dos portugueses”, assim como “para atração de turistas” e “para a captação de investimento”.

“Neste momento temos o maior nível de investimento na Guarda Nacional Republicana, que alguma vez existiu” com “cerca de cinco dezenas de instalações que estão ou em obras ou em concurso, ou em fase de elaboração de projeto”, revelou o Ministro, que aproveitou a ocasião para realçar “a parceria decisiva com a Câmara Municipal, que permitiu concretizar esta obra”.

Apesar do atraso de 4 anos na execução desta obra, o atual presidente do município, João Grilo, sublinha que “o mais importante é estarmos aqui hoje a inaugura-lo e a colocá-lo à disposição das pessoas” e que esta obra “resulte de uma colaboração entre a administração central e uma autarquia”.

Sito no Antigo Posto da Guarda Fiscal, o edifício, que “estava praticamente devoluto”, teve o acréscimo “de uma nova ala, para dar todas as condições aos militares”, explicou o autarca.

João Grilo diz que esta obra “representa mais condições para os nossos militares atuarem”, pois independentemente dos índices de criminalidade, “é importante estarmos cá e termos cá a presença e o sentimento de presença” das forças de segurança, que “ajuda a dar confiança às populações”.

Nas palavras do Comandante do Posto da GNR de Alandroal, Sargento-Chefe, Vítor Rato, o novo posto “vem prestar uma melhor qualidade de vida aos militares”, que “ao terem melhores condições de trabalho acabam por também permitirem umas melhores condições de atendimento”.

Contudo, após as obras, continuam ainda a faltar “mais elementos”. Uma realidade e “dificuldade que todos os postos atravessam”. Assim, como os “meios materiais”. Algo, porém, agudizado no Alandroal que “tem uma área rural enorme”, uma vez que também os meios de transporte “não são os ideais”.

O deputado socialista, na Assembleia da República, e presidente reeleito da Federação Distrital de Évora, Norberto Patinho, refere que este é “um marco para estas pessoas” do Alandroal, que “merece e tem que ter uma garantia e uma presença de proximidade e de segurança”. Ao mesmo tempo, esta estrutura “vem provar que a colaboração, entre o poder local e o poder central, traz sempre vantagens para as populações”.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Junho 2021 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30