Imprimir esta página

Beja

Prémio Nacional de Agricultura tem crescido em “quantidade e qualidade”, diz adm. do BPI. A RC deixa-lhe as fotos do lançamento da 8ª edição (c/som)

Publicado em Reportagens 29 abril, 2019

A 8ª edição do Prémio Nacional de Agricultura, uma iniciativa do BPI e do grupo Cofina, foi lançado na passada sexta-feira (26 de abril), na Ovibeja.

A cerimónia presidida contou com a presença de Luís Capoulas Santos, Ministro da Agricultura, que em declarações à RC realçou que estes prémios prestam um “serviço inestimável à promoção da nossa agricultura” e à “valorização da autoestima dos nossos agricultores”.

“Uma parceria muito positiva à qual o Ministério da Agricultura se associa com prazer”
Luís Capoulas Santos

O governante destaca que estes prémios permitem que “o país tome consciência de casos muito positivos que demonstram que a agricultura portuguesa é um setor muito dinâmico, competitivo” e inovador, quando “tradicionalmente parecia atrasado e rudimentar”.

Pedro Barreto, administrador do BPI, realça em declarações à RC o crescimento das candidaturas apresentadas a estes prémios ao longo das edições, tanto a nível de quantidade como de qualidade.

“Quando foi lançando teve aproximadamente 100 candidaturas, nos últimos 5 anos tem sempre tido mais de 1000”, avança.

“Mais que a quantidade, o que me impressiona é a qualidade das candidaturas que tem vindo a melhorar, e todos os anos somos surpreendidos com novas ideias”
Pedro Barreto

Questionado sobre a importância da banca no setor, declara que “a área agrícola precisa fazer investimentos relevantes para se modernizar”, dispondo o BPI de áreas especializadas para apoiar o agricultor nos “projetos agrícolas que muitas vezes são operações complexas em termos de investimento”. O agricultor tem procurado este apoio, resultando numa melhoria da oferta e aumento do peso da agricultura nas exportações, aponta.

O Prémio Nacional de Agricultura conta com o patrocínio do Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural e com o apoio da PWC. Este prémio foi criado com o objetivo de distinguir as melhores empresas, práticas e projetos dos setores da Agricultura e Agroindústria, Florestas e Pecuária. O processo de candidaturas decorre até 31 de outubro de 2019, através do site do Prémio Nacional de Agricultura (www.premioagricultura.pt).