Alandroal

Primeira vítima da estrada de Borba foi a enterrar esta tarde na sua terra natal (c/fotos)

Reportagens 21 Nov. 2018

O cortejo fúnebre de Gualdino Pita mobilizou esta tarde centenas de pessoas até Santiago Maior (Alandroal), para um último adeus e para demonstrarem o apoio à sua família nesta hora difícil.

O falecido, de 49 anos e natural de Casas Novas de Mares (Santiago Maior), residia em Bencatel, e trabalhava na pedreira para onde a estrada municipal que ligava Borba a Vila Viçosa desabou na tarde desta segunda-feira (19 de novembro), tendo sido a primeira vítima retirada da pedreira.

A equipa da Rádio Campanário endereça as mais sentidas condolências à família de Gualdino Pita.

 

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Dezembro 2020 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31