27.6 C
Vila Viçosa
Sábado, Abril 13, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

“A FIAPE marca uma região, tem cariz social porque falamos de pessoas e este ano promove reencontros” diz Diretor da Segurança Social de Évora(c/som)

A 34.ª edição da Feira Internacional de Agropecuária de Estremoz (FIAPE), foi ontem inaugurada, após dois anos de interrupção devido à pandemia de covid-19, e contou com a presença do Secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território, Carlos Miguel e de diversos autarcas e entidades da Região Alentejo.

A Rádio campanário esteve presente e falou com José Ramalho, Diretor do Centro Distrital de Segurança Social de Évora que começou por nos referir “a FIAPE marca uma região, é um certame que tem um cariz de agropecuária, da agricultura, mas também tem muito de social porque no fundo estamos a falar de pessoas.”

Para o responsável pela Segurança Social no Distrito de Évora este certame “tem ainda uma segunda marca, depois de dois anos de pandemia promove os reencontros entre as pessoas, os expositores, o artesanato e essa é uma marca importante.”

Populares