19.7 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Abril 18, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Alentejo Litoral com 7000 utentes sem médico de família (c/som)

Composto por cerca de 50 praias, o Litoral Alentejano espera um aumento em quase 50% da sua população para a época balnear que já decorre.

Recentemente noticiado pela Rádio Campanário, a Unidade de Saúde do Litoral Alentejano procura ampliar o seu serviço de Urgências devido a “uma série de indústrias que podem constituir um risco” e um aumento de “cerca de 50% da população” em temporada balnear, tal como refere José Robalo, presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo.

Questionado sobre a preparação das unidades de saúde do Litoral Alentejano, José Robalo começa por referir “alguma dificuldade de fixação de profissionais”.

Segundo o presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo, existem “cerca de 7000” utentes sem médico de família, ao qual acrescenta que “já tivemos valores que rondava quase 30% da população”.

Este problema “ultrapassa-se com as consultas abertas”, como refere José Robalo, tendo indicado que “existem médicos de família em função das necessidades de população”, relembrando “a população de 7000 que ainda não estão contemplados”.

Referindo um “processo de concurso para médicos de família”, “seria muito interessante que conseguíssemos completar essa necessidade, segundo José Robalo, ao qual acrescenta ser “um direito” ter médico de família.

Populares