15.4 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Junho 20, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

“As pessoas devem conhecer a Candidatura de V.V à Unesco;Levaremos o nosso património ao mundo” diz Pres. da Câmara(c/som e fotos)

 

Realizou-se esta noite, no Salão Nobre dos Paços do concelho em Vila Viçosa, uma reunião sobre a evolução e a situação atual do processo de reformulação da Candidatura de Vila Viçosa a Património Mundial da UNESCO.

A Autarquia Calipolense convocou as Associações culturais do concelho assim como toda a comunidade , considerando que a participação e apoio de todos na construção deste processo, é essencial.

A Rádio Campanário esteve presente e falou com o Presidente da Câmara Municipal de Vila Viçosa, Inácio Esperança, que nos começou por referir quais os objetivos desta iniciativa.

O Autarca começou por sublinhar que “o objetivo é envolver a comunidade na estratégia e nos objetivos desta candidatura” acrescentando “dadas as alterações efetuadas, nomeadamente ao nível dos objetivos da candidatura assim como o facto dos promotores da candidaturas também terem alterado, nomeadamente o facto da Fundação da Casa de Bragança ter passado a ser promotora desta candidatura, é importante que as pessoas conheçam as alterações efetuadas.”

O Edil sublinha contudo “não há estratégia para uma candidatura a Património da humanidade se não conseguirmos envolver as pessoas e a comunidade e é isso que estamos a fazer.”

Vamos tentar envolver todos para que todos possam conhecer a candidatura, saber o que se pretende, que no fundo é preservar o nosso património e dar a conhecê-lo ao mundo e que o mesmo se mantenha por muitas gerações” realçou Inácio Esperança.

Questionado pela Rádio Campanário se as alterações efetuadas vão interferir com o dia a dia da comunidade, Inácio Esperança referiu “a candidatura não pretende interferir no dia a dia das pessoas ou nos seus hábitos, a não ser aquilo que é o dever que todos temos de preservar o nosso património e mantê-lo tal como está ou melhor.”

Queremos que a interferência desta candidatura na vida das pessoas seja para melhorar, dando-lhes mais qualidade de vida” realçou o Autarca que considera que “se tivermos mais turistas, mais hotéis, mais comércio, isso é bom para as pessoas.”

O Presidente da CM de Vila Viçosa sublinhou ainda que “todos os contributos são válidos e há sempre espaço para os considerar até porque uma estratégia não é algo fixo, é algo que se define e que pode em qualquer momento ser alterada” indicando que o dossier de candidatura está a ser ultimado “existindo ainda espaço para receber contributos.”

 

 

 

 

 

Populares