24.8 C
Vila Viçosa
Terça-feira, Junho 18, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Autarquia de Santiago do Cacém e Repsol vão apoiar 34 entidades do concelho através de protocolo

CM Santiago do Cacém

A Câmara Municipal de Santiago do Cacém e a Repsol Polímeros assinaram, no dia 29 de maio, o protocolo de colaboração com 34 associações e entidades desportivas, culturais, sociais e humanitárias do Concelho, que envolveu uma verba total de 100 mil euros.

O Presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha, o Diretor do Complexo de Sines da Repsol Polímeros, Salvador Ruiz López, e os representantes das entidades realizaram a assinatura na Sala de Sessões do edifício-sede do município de Santiago do Cacém.

Estiveram, também, presentes a vereadora da Câmara Municipal de Santiago do Cacém com os pelouros da cultura e ação social, Sónia Gonçalves, e o Diretor de Pessoas e Organização da Repsol Polímeros, Albino Gomes.

O Presidente da Câmara Municipal, Álvaro Beijinha, começou por “reconhecer a disponibilidade” da Repsol Polímeros e o “esforço que tem feito, ao longo dos anos, em reforçar as verbas.” Acrescentando que a empresa tem no Concelho “uma grande responsabilidade social, porque é nele que reside a maioria dos seus trabalhadores”, principalmente nas freguesias de Santo André e União de Freguesias de Santiago do Cacém, Santa Cruz e São Bartolomeu da Serra. Com este protocolo a Repsol “partilha a missão destas associações, que têm um papel importantíssimo no desenvolvimento da comunidade onde se inserem, através da cultura, do desporto, do apoio social e do recreio.”

Álvaro Beijinha sublinhou que este “contributo importante da Repsol complementa o apoio da Câmara Municipal de Santiago do Cacém” ao movimento associativo do Concelho. O Autarca lembrou, ainda, a disponibilidade da Repsol durante a pandemia por COVID-19, nomeadamente em fornecer Equipamentos de Proteção Individual às corporações de bombeiros.

O Diretor do Complexo de Sines da Repsol Polímeros, Salvador Ruiz López, destacou a “importância de compartilhar o compromisso da empresa em contribuir para o desenvolvimento sustentado da sociedade.” Acrescentando que “o contributo social e a criação de emprego e riqueza nas localidades que estão próximas de nós potenciam o desenvolvimento da nossa própria atividade.” Manifestando a “vontade de continuar a trabalhar com a Câmara Municipal e com as entidades,” e de estar “presente” em situações em que a “sociedade necessita de nós.”

 

 

Fonte: CM Santiago do Cacém

Populares