15.9 C
Vila Viçosa
Quinta-feira, Maio 30, 2024

Ouvir Rádio

Data:

Partilhar

Recomendamos

Barrancos – Vem aí um Centro Interpretativo para o Barranquenho, a UÉ já trabalha no projeto

Uma equipa de especialistas da Universidade de Évora e de uma Universidade de Madrid estão já a trabalhar neste projecto.

O Município de Barrancos quer preservar o dialecto “Barranquenho” e está a trabalhar na criação de um Centro de Interpretação que vai ser instalado num edifício em conjunto com a Biblioteca Municipal.

Na Vila de Barrancos é possível ouvir três sistemas linguísticos diferentes: o português; o espanhol e o barranquenho.  

A origem deste “dialecto” pode estar relacionado com os assentamentos na Idade Média, em torno ao Castelo de Noudar, de súbditos do reino de Castela, em terras hoje portuguesas.  A manutenção desta fala mista de castelhano e português deve-se possivelmente ao facto do contínuo contacto mantido entre a vila de Barrancos e as populações vizinhas espanholas e ao isolamento que o município tem sofrido ao longo dos séculos. O barranquenho está classificado como Património Cultural Imaterial de Interesse Municipal.

Recordamos que deu entrada na Assembleia da República um Projecto de Lei que visa reconhecer e estabelecer medidas de protecção e valorização do Barranquenho.

Esta iniciativa pretende dotar o Barranquenho de um quadro normativo legal de protecção e valorização, reconhecendo o seu relevo enquanto património imaterial e linguístico.

In A Planície

Populares